Candidatos vão poder procurar emprego usando apenas o Google

31 de janeiro de 2018, 09:21

Usuário não vai mais precisar entrar de site em site para pesquisar as oportunidades

 

Quem estiver em busca de emprego agora vai contar com um novo aliado na procura. O Google anunciou nesta terça-feira (30) que as oportunidades passarão a ser exibidas dentro do próprio site de buscas.

O novo recurso já vinha sendo testado desde de julho de 2017 nos Estados Unidos. Segundo a empresa, o experimento teria aumentado em 60% o número de empregadores oferecendo as suas vagas diretamente na aba da busca. Com cerca de 12% de empregados, conforme relatam os dados oficiais recentes, o Brasil faz parte do primeiro mercado fora dos Estados Unidos a experimentar a novidade: a América Latina.

De acordo com o exemplo publicado pelo Uol, se o usuário digitar “emprego de advogado em São Paulo” ou “trabalhos perto de mim” na busca do Google, o motor reunirá em um mesmo espaço do site diversas vagas públicas sobre a sua procura. Logo, o usuário não vai mais precisar entrar de site em site para pesquisar as oportunidades, já que tudo aparecerá dentro do Google.

Empresas como LinkedIn, Love Mondays, Empregos.com.br, OLX, Trampos.co e Vagas.com.br já fecharam parceria com a gigante tecnológica para a exibição de oportunidades diretamente no site.

O recurso será acessível tanto em dispositivos móveis (tablets e smartphones) do sistema Android quanto pelo próprio desktop do computador. As consultas poderão ser feitas através da definição de filtros, para as respostas serem mais precisas. Os internautas também terão acesso a informações adicionais sobre a própria empresa que oferece o posto de trabalho, como reviews de outros funcionários, classificações do empregador ou estimativa de tempo de deslocamento da casa do candidato à empresa.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS