Profissionais da Educação do município de Jacobina reivindicam por cumprimentos de direitos

21 de agosto de 2019, 11:54

Mais de uma centena de pessoas se concentraram em frente à sede do Executivo Municipal (Foto: Gervásio Lima)

Profissionais da rede de ensino municipal participaram de uma manifestação na manhã desta quarta-feira (21), em Jacobina. Concentrados em frente ao prédio da prefeitura da cidade, onde fica o gabinete do prefeito, os participantes bloquearam a via e através de faixas e discursos através de equipamento de som reivindicaram por direitos e melhorias das condições de trabalho.

Coordenada pela APLB Sindicato, a manifestação, que reuniu mais de uma centena de pessoas, teve o objetivo de chamar atenção da população e cobrar do gestor municipal o cumprimento de direitos como o que determina a Lei 1.210, de 27 de dezembro de 2013, que “institui o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração dos Profissionais da Educação Básica do Município de Jacobina”.

Em Carta Aberta distribuída pela APLB durante a mobilização, os profissionais da Educação solicitam, entre outros pontos, o fim do ‘atraso na concessão das aposentadorias’, o ‘cumprimento do decreto que trata dos enquadramentos’, o ‘deferimento de licenças prêmios’ e o ‘cumprimento da hora/atividade dos profissionais da educação infantil e das séries iniciais’.

As faltas de fardamento escolar e de materiais didáticos e a melhoria na qualidade da merenda e do transporte escolar também fizeram parte do protesto.

 

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS