Professor de São Paulo é denunciado por comentário racista

12 de março de 2018, 13:52

(Foto: © Reprodução Facebook)

Texto preconceituoso foi postado nas redes sociais.

Um professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo foi denunciado por alunos após ter feito uma postagem racista nas redes sociais neste sábado (10).

No comentário, o professor diz ter ódio de negros e pardos, além de descrever a alimentação deles como “macabra”.

“Horror de turismo. Odeio pretos e pardos falando muito e comendo de tudo por muito tempo, em bandos, nos hotéis três estrelas de orla de praia! Um café da manhã macabro com tanta algazarra e gulodice. Alguém consegue comer carne de sol logo cedo lotando o prato por 3 vezes? Eles conseguem, todos! Queria ser muito rico e ter o café no meu quarto sempre nu e escutando Mozart”, diz o texto.

Segundo o G1, o docente deletou a postagem após a repercussão do ocorrido. No entanto, um ‘print’ tirado da postagem acabou viralizando. Agora, movimentos sociais e negros cobram ações do Instituto. A IFSP informou que já está ciente dos fatos.

“Em relação à publicação, em rede social privada, de servidor do Câmpus São Paulo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, no último fim de semana, o IFSP informa que teve conhecimento, por meio da mídia, do texto divulgado pelo docente”, diz nota da instituição.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS