Polícia alemã diz que há possibilidade de encontrar Madeleine McCann viva

15 de junho de 2020, 09:45

Amigos da família McCann se queixaram da investigação já começar com a possibilidade de assassinato (Foto: Reprodução)

O promotor alemão que agora lidera as investigações do envolvimento do pedófilo Christan B no caso do desaparecimento de Madeleine McCann agora trabalha com a possibilidade de encontrar a menina viva. Madeleine desapareceu há 13 anos, quando tinha apenas 3 anos de vida. A informação, divulgada por jornais alemães, muda a posição de Hans Christian Wolters,  que inicialmente teria declarado não ter esperanças da criança ter sobrevivido. “Foi apenas uma opinião pessoal e especulação de que ele teria abusado da criança e a matado rapidamente”, o promotor justificou hoje (14) à TV britânica.

O posicionamento de Wolters mudou depois que os pais de Madeleine exigiram que a polícia alemã liberasse as provas da morte da filha. Agora o promotor confirma que elas não existem, o que, segundo diz agora, “dá uma pequena esperança” para manter viva as esperanças de reencontrá-la.

Amigos da família McCann se queixaram da investigação já começar com a possibilidade de assassinato.  O suspeito tem 43 anos e em maio de 2007 estava na área da Praia da Luz, em Portugal, onde Madeleine desapareceu. Ele está preso na Alemanha por ter sequestrado uma criança e a matado, levando à polícia acreditar que tenha feito o mesmo com a menina.

“Os McCanns só querem saber o que aconteceu”, diz Clarence Mitchel, o porta-voz da família. “Sem saber, eles jamais terão  paz e dependem da polícia para estabelecer os fatos dessa nova pista para a investigação”, ele explica.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS