Chuva deve permanecer até o fim do mês; veja a previsão

25 de janeiro de 2024, 10:22

No Nordeste, fortes chuvas são esperadas, especialmente na Bahia e no Piauí (Foto: Gervásio Lima)

Nos últimos dias de janeiro, espera-se muita chuva em grande parte do Brasil. Um levantamento da MetSul Meteorologia projetou chuvas para os próximos dez dias a partir desta semana. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alertas para esta quinta-feira (25) em vários estados, indicando acumulado de chuva , tempestade e chuvas intensas. O alerta vermelho significa grande perigo na região, válido até às 15h da quinta-feira. Indica precipitação acima de 100 mm/dia, aumentando o risco de alagamentos, transbordamentos de rios e deslizamentos em áreas de risco nas cidades. Instruções do Inmet para alertas de grande perigo incluem desligar aparelhos elétricos, observar encostas, permanecer em local abrigado, proteger pertences em caso de inundação e obter informações da Defesa Civil (telefone 199) e dos Bombeiros (telefone 193). O alerta laranja, indicando perigo, abrange a região central do Brasil e o litoral de São Paulo, Paraná e Santa Catarina. Prevê chuvas intensas, ventos intensos (60-100 km/h), queda de granizo, corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e alagamentos. Em Salvador, apesar de nuvens e chuvas isoladas, a temperatura atinge 31°C e mínima de 24°C. Brasília e Palmas têm máximas de 26°C e 30°C, respectivamente. O alerta de tempestade para áreas amarelas indica 'perigo potencial' com chuva de 50 mm/dia, ventos intensos (40-60 km/h) e queda de granizo. O alerta de chuvas intensas prevê impacto em diversos estados até às 10h da quinta-feira, com chuva até 50 mm/dia, ventos intensos (40-60 km/h) e baixo risco de corte de energia elétrica, quedas de galhos de árvores e alagamentos. O tempo no Brasil para o resto da semana mostra na Região Norte pancadas de chuvas, principalmente no Pará, Amapá, Rondônia e Tocantins. No Nordeste, fortes chuvas são esperadas, especialmente na Bahia e no Piauí. Nas Regiões Centro-Oeste e Sudeste, chuvas intensas podem afetar áreas no norte do Mato Grosso, Goiás, Minas Gerais e leste de São Paulo. Na Região Sul, áreas do leste do Paraná e Santa Catarina podem ter pancadas de chuva, com menores acumulados no interior. Último Segundo

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Jacobinense está entre os estudantes de escolas estaduais da Bahia que participam de simulações de conferências da ONU, nos EUA

25 de janeiro de 2024, 10:04

A Bahia, através da Secretaria Estadual da Educação (SEC), é o único Estado brasileiro que promove simulações inspiradas nas reuniões dos comitês da ONU para estudantes da rede pública (Foto: SEC/BA)

Estudantes da rede estadual de ensino da Bahia participam, até o dia 29 de janeiro, de encontros promovidos pela Yale Model United Nations (YaleMUN), em Connecticut, e Model United Nations (HarvardMUN), em Boston, duas das mais conceituadas universidades americanas. Nesses eventos, os jovens se reúnem com outros líderes do Ensino Médio de 50 diferentes países; participam de simulações de conferências da Organização das Nações Unidas (ONU); e debatem questões que afetam a realidade global. Essas atividades são vistas como laboratórios para o aprendizado, pois trabalha com as esferas da Diplomacia, da Ciência Política, da Política Internacional e do Direito, bem como inspiram o protagonismo juvenil na busca por soluções aos problemas que afetam suas realidades. A Bahia, através da Secretaria Estadual da Educação (SEC), é o único Estado brasileiro que promove simulações inspiradas nas reuniões dos comitês da ONU para estudantes da rede pública, por meio dos quais os alunos são selecionados para o evento internacional, como Ana Caroline Oliveira dos Santos, 17 anos, do Colégio Estadual João Pessoa, de Itaquara; Isac Costa Lima, 16, do Centro Educacional Deocleciano Barbosa de Castro - Tempo Integral, de Jacobina; e Laisa Paulino, 20 anos, do Colégio Estadual Ailton Pinto de Carvalho, de Salvador. Eles estão contando com o apoio da SEC para carimbar seus passaportes e abrir novos horizontes, inspirando e motivando também outros jovens da rede estadual de ensino a discutirem não apenas o futuro, mas também a encontrarem respostas para transformar suas condições de vida de forma positiva. O contato com jovens de diferentes partes do mundo, com quem está tendo a oportunidade de trocar ideias e propor soluções para os principais problemas globais, é o fato que mais tem chamado a atenção da estudante Ana Caroline, que está concluindo, este ano, o Ensino Médio. “Acredito que somos uma geração mais politizada e engajada. Esta oportunidade é um incentivo ao pensamento crítico; ao debate, que nos direciona para o lado mais político; e à liderança, pela qual, desde criança, me identifico”, ressalta. Já para Laisa Paulino a experiência representa a concretização de um sonho, que só está sendo possível graças ao apoio que vem recebendo da escola, da família e dos amigos. “É importante destacar que, apesar de muita gente olhar com preconceito para a escola pública, foi graças ao estudo em uma comunidade da periferia que estou fazendo minha primeira viagem ao exterior. Sou a primeira pessoa da minha família a viajar para fora do país”, afirma, se referindo ao colégio localizado no bairro de Lobato, Subúrbio Ferroviário de Salvador. Ela reforça, também, que, por meio do aprendizado, as possibilidades são inúmeras e concretas. Mesmo já familiarizados com a dinâmica do encontro multicultural, do qual já tinham participado em 2022, Ana Caroline e Isac acreditam que a possibilidade de estarem participando de um evento desse porte e dessa importância, como estudantes da rede pública do interior baiano, só reafirma que a Bahia se destaca na área da Educação em todo o Brasil. “É uma oportunidade inédita para alunos de escola pública. Na Bahia, contamos com o apoio da SEC, que nos proporciona essa forma de intercâmbio, nos instigando, cada vez mais, a nos dedicar ao aprendizado. Aqui, nas simulações da ONU, estamos reunidos com jovens de diferentes nacionalidades e realidades, em uma troca de experiências e cientes de que podemos colaborar no desenvolvimento de nossas comunidades em diferentes pontos do mundo”, afirma o estudante Isac Lima. Iniciativa inédita - A Bahia, através da SEC, em parceria com o Instituto DiploMUN, com sede em Salvador, vem proporcionando a participação de estudantes dos 27 Núcleos Territoriais da Educação (NTE) baianos nas simulações inspiradas nas reuniões dos comitês da ONU. É o programa Bahia Model United Nations (BaMUN) que, de forma presencial ou on-line, incentiva os jovens dos mais diversos cenários socioeconômicos nessa prática que extrapola o ensino formal e impacta positivamente na sua formação. Sua última edição foi realizada em Salvador, em novembro de 2022, quando alunos de diversos municípios baianos tiveram a oportunidade de debater problemas globais, atuando como diplomatas. A coordenadora de Políticas Públicas para Juventude em Processos Educacionais da SEC, Larissa Lima, ressalta que os estudantes baianos realizam um feito histórico e contribuem para reafirmar a excelência da rede estadual e ampliar os caminhos de outros alunos. “As simulações da ONU contribuem na oratória e no exercício do consenso para tomadas de decisões, além de incentivar o estudo e a pesquisa sobre a geopolítica mundial. Esses jovens têm exercido papéis de liderança em suas escolas e comunidades, como líderes de classe territoriais e jovens ouvidores territoriais. A experiência é mais um espaço de inclusão que abrimos de forma gratuita, direcionada aos estudantes da rede, que antes não tinham acesso a essa oportunidade”, explica. Ascom/SEC

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Corredor morre por excesso do esforço físico

24 de janeiro de 2024, 15:04

Dorgival Celerino apresentou sintomas de rabdomiólise; ele estava internado na UTI do Hospital Regional do Agreste (Foto: Reprodução)

Um corredor de Caruaru, no Agreste do Pernambuco, morreu nesta quarta-feira (24) em decorrência de complicações de uma rabdomiólise. A condição de saúde é ocasionada devido a uma lesão muscular grave aguda, que deixa o urina preta. Ele foi internado na UTI do Hospital Regional do Agreste. Dorgival Celerino do Nascimento, de 50 anos, participou de uma prova no último domingo (21) que causou excesso do esforço físico. O objetivo da prova era correr 14 quilômetros, saindo da cidade de Pombos, a pouco mais de 65 km de distância do Recife, com direção à cidade de Gravatá, no Agreste. Quando estava chegando na Serra das Russas, o atleta passou mal e foi levado até a unidade de saúde de Gravatá. Na última segunda-feira (22), o corredor foi transferido para o Hospital Regional do Agreste, em Caruaru. Segundo a nota emitida pelo hospital, Dorgival morreu de hepatite fulminante e rabdomiólise. A rabdomiólise está ligada ao excesso de esforço físico, sendo visto quando o exercício físico praticado é excedido ou feito por pessoas que não estão preparadas. A doença ganhou grande repercussão em 2023, quando a influenciadora digital Kamila Rigobeli comentou com os seguidores que foi internada após uma aula experimental de spinning. A influencer disse que sentiu desconforto logo após a saída da aula e precisou ser internada nos dias seguintes com muita dor e por urinar preto. Ultimo Segundo

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Salvador é o destino nacional mais desejado pelos brasileiros; confira ranking

24 de janeiro de 2024, 12:54

Praias e natureza, aliadas com bons preços e a possibilidade de encontrar amigos e familiares, estão entre os principais fatores considerados na escolha (Foto: Reprodução)

Salvador, Fernando de Noronha e Rio de Janeiro são os destinos nacionais com maior interesse de visitação pelos brasileiros, segundo pesquisa do Ministério do Turismo, divulgada nesta segunda-feira (21). Praias e natureza, aliadas com bons preços e a possibilidade de encontrar amigos e familiares, estão entre os principais fatores considerados na escolha. O levantamento "Tendências de Turismo", que entrevistou 2.029 pessoas em todos os estados e no Distrito Federal, também aponta que um a cada três cidadãos planeja viajar a lazer durante a alta temporada do verão, que se estende até março deste ano. Em média, a maior parte dos viajantes fica até dez dias fora de casa, com gastos de R$ 1,9 mil. Para 95% dos entrevistados, o destino escolhido será no Brasil: as regiões nordeste e sudeste são as campeãs dos itinerários no próximo trimestre. Veja os dez destinos mais desejados: Salvador (BA)Fernando de Noronha (PE)Rio de Janeiro (RJ)Lençóis Maranhenses (MA)Florianópolis (SC)Foz do Iguaçu (PR)Maragogi (AL)Bonito (MS)Chapada dos Veadeiros (GO)Ilha de Marajó (PA) De acordo com a pesquisa, 69% dos brasileiros viajam ao menos uma vez por ano. Essa viagem acontece em família em 70% das vezes. Carros próprios e ônibus são os meios de transporte mais utilizados, enquanto o avião é mencionado por cerca de um quarto das pessoas. O levantamento do Ministério do Turismo foi produzido pelo Instituto de Pesquisa de Reputação e Imagem (IPRI). As entrevistas foram realizadas entre 7 e 11 de dezembro de 2023 e contaram com a participação de cidadãos a partir de 16 anos. A margem de erro no total da amostra é de 2 pontos percentuais, com intervalo de confiança de 95%. Folhapress

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Carro ou outdoor? Nova forma de propaganda gera polêmica e pode ser ilegal

24 de janeiro de 2024, 10:44

O caminhão outdoor usa placas de LED no baú (Foto: Reprodução)

Imagine substituir um outdoor tradicional por outro que pode percorrer toda a cidade diversas horas por dia. A estratégia, muito comum em ônibus, chegou aos carros e caminhões com atualizações. Tratam-se de placas de LED, colocadas acima do teto dos carros ou no baú de caminhões e caçambas de picapes, que podem alternar entre diversas publicidades a um toque no botão. A sacada é uma "jogada de mestre" ou anúncio ilegal? A tecnologia invadiu o mercado de marketing promocional em diversas regiões do Brasil. A novidade é que, além de empresas com carros destinados a esse tipo de negócio, há outras especializadas em alocar essas telas no exterior de automóveis de aplicativos, táxis e outros veículos. O dono do carro recebe entre R$ 200 e R$ 500 por mês e segue uma vida normal, rodando com o carro nos trajetos de costume. Uma das empresas que oferecem o serviço é a startup LED Expert, que vê como diferencial a possibilidade de filtrar motoristas por geolocalização, atendendo exatamente à necessidade do cliente. Pensando neste mercado promissor, de 600 mil táxis e 705 mil motoristas de aplicativos (conforme o IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), ela atua em Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro e Montes Claros (MG). No modelo de negócio, taxistas e motoristas de aplicativo podem receber entre R$ 200 e R$ 500 por mês para circular com a tela "O marketing digital sobre rodas não apenas transforma os veículos em telas ambulantes, mas também representa uma oportunidade única para anunciantes de todos os portes. Trata-se de uma forma inovadora de divulgar marcas e eventos de maneira eficiente, já que os painéis de LED atraem até 70% a mais da atenção das pessoas do que a publicidade convencional. Sem contar que estarão em carros: uma novidade no país. É uma oportunidade de o motorista potencializar seus ganhos", diz Danniel Xavier, CEO da LED Expert. Questionada pelo UOL Carros, a startup afirmou que não há leis contra esse tipo de negócio. No entanto, Marco Fabrício Vieira, membro do Contran e especialistas em legislação de trânsito, afirma que o Manual Brasileiro de Fiscalização de Trânsito pode ser um empecilho. "Trata-se de uma infração de trânsito prevista no artigo 230, XIII, do Código de Trânsito Brasileiro, que proíbe a circulação de veículo com painel luminoso fora das áreas envidraçadas do veículo, que reproduza mensagem dinâmica ou estática. A penalidade é de multa de natureza grave, cinco pontos no prontuário do proprietário do veículo e medida administrativa de retenção do veículo para regularização. A exceção é para o transporte coletivo de passageiros (ônibus)", alerta o especialista. Na cidade de São Paulo, onde ainda não encontramos empresas de LED em carros, mas já flagramos caminhões outdoor, o modelo de negócio é proibido pela Lei Cidade Limpa, que não permite a instalação de anúncios em veículos automotores (carros, ônibus, vans), motocicletas, bicicletas e similares, e também em carretas e trailers (engatados ou desengatados). Nesses veículos, será permitida apenas a identificação das empresas para as quais prestam serviços. Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. UOL

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Quem é a pastora que ostenta vida de luxo e pede PIX em troca de orações

24 de janeiro de 2024, 10:24

A autodeclarada pastora Renálida Lima, 39, que acumula mais de três milhões de seguidores no Instagram, publica conteúdos não somente ligados à religião, mas também ostentando uma vida de luxo (Foto: Reprodução)

A autodeclarada pastora Renálida Lima, 39, que acumula mais de três milhões de seguidores no Instagram, publica conteúdos não somente ligados à religião, mas também ostentando uma vida de luxo. Nos últimos dias, ela começou a receber críticas por seu conteúdo teológico e também pela vida de viagens, roupas de grife, joias e procedimentos estéticos que divulga em suas redes. As informações são do portal UOL. Por que ‘pastora do Pix’? Renálida pede Pix aos seguidores. A pastora realiza quase que diariamente lives de oração e exposição bíblica —e é exatamente por isso que recebe a maior parte das críticas. Durante essas transmissões, Renálida começou a desafiar seus seguidores a fazerem um Pix, dando como chave o CPF do ex-marido e também o seu próprio. Agora, o Pix é no CNPJ da igreja, a Comunidade Profética Atos 2. Em uma de suas lives, a pastora propôs um desafio aos seus seguidores. “Deus tá dizendo para 15.500 pessoas. Aleluia! Você está aí, vai fazer esse voto comigo, esse propósito comigo”. Se antecipando dos possíveis contrários a seu pedido, ela continuou: “Ah, eu não creio, eu não preciso disso! Sai da live, não estou botando uma arma na sua cabeça, nem te obrigando a nada”. Em seguida, ela, que estava vestindo uma jaqueta da Gucci, avaliada em mais de R$ 11 mil, explica sua proposta. Tem um Pix, e agora você vai colocar diante de Deus, Senhor, eu tenho 18 anos, eu vou botar 18; eu tenho 40, vou colocar 40; você vai fazer o propósito do voto da sua idade”. Em outro vídeo, a pastora faz uma nova sugestão: “ninguém é pobre demais que não pode fazer um voto de R$ 7. Ostentação ganhou repercussão nas redes sociais. Em pouco tempo, incontáveis cortes nas redes sociais começaram a viralizar, com críticas, piadas, imitações e alguns apelidos também, como, por exemplo, “Gretchen gospel”, “profeta sensual”, “Jezabel gospel”, “pastora da ostentação” e a alcunha mais usada: “pastora do Pix“. Ingresso para participar de cultos. Além disso, algumas pessoas começaram a compartilhar prints mostrando que era cobrado um ingresso para participar dos cultos em que a pastora pregava. Alvo de críticas durante programa de TV. O apresentador Bruno Pereira, da TV Arapuan, afiliada da BAND na Paraíba, fez críticas ao vivo durante seu programa, divulgando prints em que havia a cobrança de R$ 50,00 para as pessoas participarem do culto. Eu não vejo a presença de Deus na pastora Renálida; quando eu olho para a pastora Renálida, só vejo ostentação […] o verdadeiro profeta de Deus não cobra, disse o apresentador na época. Além de cobrar Pix em troca de orações nas redes sociais, cobra vaga em cultos 

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Briga por preço de passagem pode ter causado naufrágio que deixou 8 mortos

24 de janeiro de 2024, 09:50

O total de mortos no acidente chegou a oito (Foto: Reprodução)

OCorpo de Bombeiros da Bahia localizou na manhã desta terça-feira, 23, os corpos de uma menina de 7 anos e de um homem de 42 anos que estavam desaparecidos desde domingo, 21, quando ocorreu o naufrágio de um barco na Baía de Todos os Santos. O total de mortos no acidente chegou a oito. Segundo os bombeiros, o corpo da criança foi localizado próximo à Ilha de Maria Guarda. Posteriormente, por volta das 6h30, a equipe de busca localizou o outro corpo na mesma região. Ambos foram deixados sob os cuidados do Departamento de Polícia Técnica do Estado da Bahia (DPT). Até a noite de ontem, as buscas ainda continuavam no local, ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, embora em menor intensidade, pois não havia informação oficial de mais pessoas desaparecidas. "Estamos aguardo se alguma família reclama outro desaparecido, por isso permanecemos na região", informou. Conforme a Marinha, foi instaurado Inquérito sobre Acidentes e Fatos da Navegação (IAFN) para apurar as causas e circunstâncias do ocorrido. Ainda não há informações precisas, mas sobreviventes informaram, extraoficialmente, que ocorreu uma briga no meio do trajeto entre Ilha Maria da Guarda e Madre de Deus, de cerca de 1,5 km. Passageiros teriam se desentendido por conta do preço da travessia, de R$10 por pessoa. Briga O Capitão dos Portos, Wellington Gagno, diz que o barco estava com lotação acima do permitido, que seria de 11 pessoas; ao menos 15 estavam nele. "Os inquéritos ainda vão apurar, mas uma briga pode ter levado as pessoas para um mesmo lado da embarcação. A movimentação desestabilizou o barco." Vítimas No naufrágio, morreram Alicy Maria, de 6 anos; Vanderson Queiroz, de 42 anos; Rosimeire Maria Souza Santana, de 59 anos; Flaviane Jesus dos Santos, de 29 anos; Ryan Kevellyn de Souza Santos, de 22 anos; Caroline Barbosa de Souza, de 17 anos; Jonathan Miguel de Jesus Santos, de 7 anos; e Hayala dos Santos Conselho, de 33 anos. Outros cinco passageiros do barco, cujo no me era Gostosão FF, foram resgatados com vida e receberam atendimento médico. Depois do horário O barco tinha autorização para trafegar somente até as 19h30, mas o acidente aconteceu às 22h, pouco depois de o saveiro ter deixado a Ilha de Maria Guarda, onde acontecia uma festa de verão. Filha e neto de condutor estão entre as vítimas A Polícia Civil da Bahia identificou o condutor do barco que naufragou no domingo como sendo Fábio Freitas. Ele teria fugido do local depois do acidente. Entre os oito passageiros mortos no naufrágio estavam a filha de Fábio, Flaviane Jesus dos Santos, de 29 anos, e o neto, Jonathan Miguel de Jesus Santos, de 7. O condutor tinha depoimento marcado para ontem. A reportagem não localizou os responsáveis por sua defesa para comentários sobre o caso nem conseguiu confirmar se o condutor do barco se apresentou. Ao Estadão, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, Coronel Adson Marchesini disse na segunda-feira, 22, que esse tipo de barco que naufragou é classificado na categoria esporte e recreio, podendo ser utilizado apenas para recreação. "Ele não poderia transportar passageiros de forma comercial, como estava fazendo", afirmou o oficial. As buscas por vítimas envolveram 30 bombeiros, incluindo mergulhadores, além de 39 militares da Marinha. Uma moto aquática foi deslocadas para auxiliar as buscas. Estadão Conteúdo

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Chuvas: Inmet emite alerta de grande perigo para RJ, SP e BA; veja a previsão

24 de janeiro de 2024, 09:42

O alerta vermelho indica grande perigo, com acumulado de chuva acima de 100 mm/dia (Foto: Divulgação)

O Instituto Nacional de Meteorologia prevê chuvas em grande parte do Brasil nesta quarta-feira (24). Na Bahia, Rio de Janeiro e São Paulo, alertas de grande perigo foram emitidos, com aviso de acumulado de chuva até às 10h da quarta-feira. O alerta vermelho indica grande perigo, com acumulado de chuva acima de 100 mm/dia. Isso aumenta o risco de alagamentos, transbordamentos de rios e deslizamentos em áreas de risco nas cidades. No Rio de Janeiro, espera-se um dia com muitas nuvens, pancadas de chuva e trovoadas isoladas, com temperatura variando entre 23ºC e 21ºC. São Paulo terá um panorama semelhante, com dia nublado, pancadas de chuva e trovoadas isoladas, e mínima de 16ºC. Em Salvador, o dia será nublado com pancadas de chuva e trovoadas isoladas, e a temperatura varia entre 28ºC e 25ºC. Para agir durante alertas de grande perigo, o Inmet orienta desligar aparelhos elétricos, observar encostas, permanecer em local abrigado, proteger pertences da água e obter informações junto à Defesa Civil e ao Corpo de Bombeiros. O alerta laranja, também de perigo, abrange estados no litoral e na região central do Brasil, indicando chuvas intensas, ventos fortes, queda de granizo e outros riscos até 10h da quarta-feira. O Inmet destaca perigo nos litorais de São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul, com alerta para chuva entre 50 a 100 mm/dia, risco de alagamentos e deslizamentos até 10h da quarta-feira. Além disso, alertas amarelos indicam perigo potencial, com chuva até 50 mm/dia, ventos intensos, baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas até 10h da quarta-feira. Quanto à previsão para o resto da semana, diversas regiões do Brasil podem esperar pancadas de chuva, raios, rajadas de ventos e trovoadas, de acordo com a influência de fenômenos climáticos específicos em cada região. Último Segundo

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Relógio do Juízo Final se aproxima da meia-noite e mundo fica mais perto do apocalipse, alertam cientistas

24 de janeiro de 2024, 09:32

O relógio simbólico foi ajustado para 90 segundos para a meia-noite em grande parte por causa da guerra na Ucrânia (Foto: Reprodução)

O Relógio do Juízo Final, uma iniciativa que visa alertar a humanidade sobre os maiores perigos que existem, está ainda mais perto da meia-noite, o que deixaria o mundo perto de uma catástrofe. O relógio está marcando 90 segundos para a meia-noite. A entidade sem fins lucrativos Bulletin of the Atomic Scientists (BAS), que administra o relógio, disse que a mudança foi feita, em grande parte, por causa da guerra na Ucrânia. A ideia do relógio começou em 1947 para alertar a humanidade sobre os perigos de uma guerra nuclear. Os ponteiros do relógio se aproximam ou se afastam da meia-noite com base na leitura que os cientistas fazem das ameaças existenciais em um determinado momento. A meia-noite marca o ponto teórico em que a humanidade seria extinta. A decisão é tomada pelo conselho de ciência e segurança da BAS, que inclui 13 ganhadores do Prêmio Nobel. Este ano, o anúncio foi disponibilizado em ucraniano e russo, além do inglês, devido à guerra na Ucrânia. O conselho afirmou que a guerra levantou questões profundas sobre como as nações interagem e mostrou uma aparente decadência da conduta internacional. "As ameaças veladas da Rússia de usar armas nucleares são um lembrete ao mundo de que a escalada do conflito — seja por acidente, intenção ou erro de cálculo — é um risco terrível", afirma o comunicado. No boletim deste ano, eles também citam mudanças climáticas, ameaças biológicas e tecnologias disruptivas. "Os efeitos da guerra não estão restritos só a um aumento do perigo nuclear; eles também minam os esforços globais para combater as mudanças climáticas", disse o comunicado. Os países dependentes do petróleo e gás russos já buscaram outros fornecedores de gás natural. O conselho afirma que os líderes mundiais precisarão continuar identificando os riscos biológicos — seja a origem natural, acidental ou intencional — já que o mundo continua sofrendo com as consequências da covid. Uma pandemia, afirma o conselho, não é mais um risco raro. Em 2020, os ponteiros do relógio haviam sido movidos para mais perto da meia-noite em 100 segundos. Nos anos seguintes, em 2021 e 2022, os ponteiros do relógio ficaram no mesmo lugar. O mais distante que os ponteiros do relógio já estiveram foi logo após o fim da Guerra Fria — a 17 minutos da meia-noite. Rachel Bronson, CEO do Bulletin of the Atomic Scientists, disse que embora os humanos criem as ameaças que podem levar à extinção, os próprios humanos podem reduzir os riscos ao se engajarem em soluções. Terra/BBC News

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Caém: Com diretor e gerentes da Embasa, gestão municipal discute solução para o problema do abastecimento de água de Gonçalo

23 de janeiro de 2024, 15:30

Prepostos da Embasa estiveram no Distrito de Gonçalo, em Caém, nesta terça-feira (23), onde se reuniram com o prefeito Arnaldinho e o seu vice Silmar Matos (Foto: Ascom/PMC)

Em menos de uma semana que esteve reunido com diretores da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), em Salvador, o prefeito Arnaldo Oliveira (Arnaldinho) recebeu nesta terça-feira (23), a visita de prepostos do órgão no Distrito de Gonçalo para discutir sobre o problema da constante falta de água na comunidade. Um dos compromissos da administração municipal foi o de buscar junto ao Governo do Estado uma solução para o problema, tendo sido cobrado inclusive ao governador Jerônimo Rodrigues durante a sua  estadia  na comunidade. O abastecimento de água do Distrito do Gonçalo tem sido motivo de reclamações pela inconstância do atendimento para a população local. Depois de uma reunião com diretores do órgão ficou acertado que uma equipe estará visitando a comunidade para buscar a melhor formula para resolver o problema. O Assessor da Diretoria do Interior da Embasa, Euvaldo Neto e o gerente regional Flávio Pimentel, garantiram ao prefeito de Caém que algumas intervenções para a melhoria operacional do sistema serão realizadas para solucionar a falta de abastecimento, assim como os serviços de extensões solicitadas pelo Executivo Municipal. “A falta de água em Gonçalo tem sido um aborrecimento para a população que chega a ficar trinta dias sem o abastecimento. Temos informado este problema com frequência para a Embasa. Depois da visita do governador Jerônimo à comunidade e com nossas insistentes cobranças, nos foi garantido que algumas intervenções serão realizadas para resolver a situação”, disse o prefeito Arnaldinho. Participaram do encontro, o vice-prefeito de Caém, Silmar Matos, o gerente de Manutenção da Embasa, Silvio Murta e Adonias Neves , gerente do Escritório de Quixabeira.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Idoso de 93 anos tem idade biológica de homem de 30 e vira alvo de estudo

22 de janeiro de 2024, 15:18

Cientistas investigam eficácia da rotina de alimentação e exercícios de Morgan, que começou tardiamente, aos 73 anos (Foto: reprodução)

Cientistas estão investigando Richard Morgan, um irlandês de 93 anos, para entender os segredos por trás de sua notável idade biológica, equivalente à de alguém na faixa dos 30 anos.  Morgan, ex-operário que começou a se exercitar aos 73 anos, possui um desempenho aeróbico comparável ao de uma pessoa de 30 anos, compõe 80% de seu corpo com músculos e tem apenas 15% de gordura. Ao longo de sua vida, Morgan remou o equivalente a quase 10 voltas ao redor do mundo e conquistou quatro campeonatos mundiais de remo. Seu regime diário de treinamento inclui aproximadamente 40 minutos de remo, uma sessão de musculação com pesos para fortalecimento e outros exercícios que combinam alta e baixa intensidade. Pesquisadores da Universidade de Limerick conduziram estudos sobre a atividade cardíaca, pulmonar e muscular de Morgan durante seus exercícios de remo. Os resultados, detalhados em um estudo de caso publicado no Journal of Applied Physiology, revelaram um pico de 153 batimentos por minuto em seu pulso, superando a frequência cardíaca máxima prevista para sua idade e destacando um coração excepcionalmente forte para alguém na faixa dos 90 anos. “Precisamos de olhar para os idosos muito ativos se quisermos compreender o envelhecimento”, disse Bas Van Hooren, doutorado na Universidade de Maastricht, na Holanda, e um dos autores do estudo. O que tornou Morgan especialmente interessante para os pesquisadores foi que ele só começou a praticar esportes ou exercícios físicos aos 73 anos. Sua dieta, rica em proteínas, contribui para a construção muscular e a manutenção de um metabolismo acelerado. Confira a rotina de exercícios de Morgan registrada pelos pesquisadores:Toda semana Morgan rema cerca de 30 quilômetros em média, durante 40 minutos por dia.Cerca de 70% desses treinos são fáceis, com Morgan quase sem trabalho. Outros 20% estão num ritmo difícil mas tolerável, e os 10% restantes numa intensidade total e pouco sustentável.Duas ou três vezes por semana, ele também treina com pesos, usando halteres ajustáveis para completar cerca de três séries de estocadas e roscas, repetindo cada movimento até que seus músculos estejam cansados demais para continuar.Morgan ingere muita proteína , seu consumo diário excede regularmente a recomendação dietética usual de cerca de 60 gramas de proteína para alguém com seu peso.“Ainda estamos aprendendo sobre como iniciar um programa de exercícios para a velhice, mas há evidências bastante claras de que o corpo humano mantém a capacidade de se adaptar ao exercício em qualquer idade”, declarou o diretor do Laboratório de Desempenho Humano da Ball State University, em Indiana, Scott Trappe. Terra

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Maior terremoto da história do Brasil atingiu região Norte sábado (20)

22 de janeiro de 2024, 10:30

Tremor de terra de 6,6 graus, em uma região isolada de Ipixuna, no Amazonas (Foto: Reprodução)

A Região Norte, registrou, neste sábado (20), o maior tremor de terra da história do Brasil. Com 6,6 graus na Escala Richter, segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, o terremoto ocorreu às 18h31 no horário de Brasília, 16h31 no horário local. Epicentro do terremoto Embora o epicentro do terremoto tenha sido inicialmente informado próximo a Tarauacá, no estado do Acre, as coordenadas exatas do fenômeno apontam para uma área isolada em Ipixuna, no Amazonas. No entanto, não foram registrados danos até o momento, graças à dissipação da energia devido à profundidade de 614,5 quilômetros em que o terremoto ocorreu. Segundo geólogos, tremores nessa profundidade dificilmente são sentidos pela população. Possíveis Consequências e Antecedentes Anteriormente, o maior tremor registrado na história do Brasil ocorreu em 7 de junho de 2022, com magnitude de 6,5 graus na Escala Richter, na cidade de Tarauacá, situada no Noroeste do Acre. A região tem registrado vários tremores devido à proximidade com a Cordilheira dos Andes, conhecida por sua elevada atividade sísmica. Nos últimos 45 anos, quase 100 tremores foram registrados em um raio de 250 quilômetros de Tarauacá, conforme dados do Serviço Geológico dos Estados Unidos, porém nenhum deles resultando em consequências graves. Manifestação dos Governos Locais Até o presente momento, não houve pronunciamentos oficiais dos governos do Acre e do Amazonas, nem das prefeituras de Tarauacá e Ipixuna. Antes do abalo deste final de semana, o tremor de maior magnitude no Brasil ocorreu na região da Serra do Tombador, no Mato Grosso, registrado em 31 de janeiro de 1955, com 6,2 graus na Escala Richter. Apesar destes registros recentes, é importante reforçar que o território brasileiro está localizado no centro da placa tectônica Sul-Americana, o que confere ao país uma baixa incidência de terremotos quando comparado a regiões localizadas nas bordas das placas tectônicas.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Boas Festas!

VÍDEOS