NOTÍCIAS EM DESTAQUE


Por causa da Globo, CBF muda horário de jogo do Flamengo; confira

09 de agosto de 2018, 14:01

(Foto: © Gilvan de Souza / Flamengo)

Diretoria de Competições da CBF informou que o jogo válido pela 19ª rodada do Brasileirão será no domingo (19), às 11h - A Diretoria de Competições da CBF informou, nesta quinta-feira (9), uma mudança na tabela original do Brasileirão. A partida entre Atlético-PR e Flamengo, válida pela 19ª rodada da competição, foi adiantada para as 11h. O local e a data permanecem inalterados. O motivo da mudança é o ajuste na grade de programação da Rede Globo (Premiere). Confira os detalhes abaixo e no documento em anexo: Atlético-PR x Flamengo-RJ De: 16h Para: 11h Data: 19/08, domingo (mantida) Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR) (mantido) Solicitante: Rede Globo (Premiere) Motivo: Ajuste na grade de programação da emissora.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Polícia fecha aeroporto em Berlim após confundir vibrador com explosivo

08 de agosto de 2018, 14:52

  A primeira verificação não esclareceu o que estava dentro da mala, levando à emissão de um alerta pouco antes das 11h - O aeroporto de Schönefeld, o segundo maior de Berlim, ficou fechado por algumas horas nesta terça-feira (7), depois de a polícia confundir um vibrador com um explosivo. De acordo com a polícia berlinense, os funcionários do aeroporto verificavam uma bagagem nos raios-X quando perceberam "conteúdo suspeito em uma peça de bagagem". A primeira verificação não esclareceu o que estava dentro da mala, levando à emissão de um alerta pouco antes das 11h. O terminal D do aeroporto, usado principalmente em voos domésticos e europeus, permaneceu fechado durante cerca de uma hora enquanto a polícia investigava o item suspeito -o esquadrão antibomba chegou a ser chamado. Convocado pelo sistema de som, o dono da bagagem se mostrou constrangido durante a explicação aos policiais. Segundo a imprensa alemã, ele afirmou que na mala havia "itens técnicos". Em uma rede social, o dono escreveu: "Após 60 minutos tensos, [o membro do esquadrão antibomba] voltou rindo. A granada de mão era na verdade um vibrador da Ann Summers que minha namorada e eu tínhamos comprado duas semanas antes". Com informações da Folhapress.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Príncipe Harry vai a casamento com a sola do sapato furada

08 de agosto de 2018, 13:30

Fotógrafos não perderam a chance de registrar - Até mesmo os membros da realeza britânica passam por imprevistos quanto à roupa. O príncipe Harry foi a última pessoa a passar por isso. No passado sábado, dia em que Meghan Markle completou o seu 37º aniversário, os duques de Sussex marcaram presença no casamento de um amigo muito próximo de Harry. Como seria de esperar o centro das atenções foi o visual de Meghan, que não passou despercebido e que, inclusivamente, até esgotou. Contudo, look do príncipe também foi notado - por motivos não tão positivos. Fotografias mostram que a sola de um dos sapatos que usou estava furada por baixo. Não se percebeu por que motivo esta ‘falha’ aconteceu, mas pelo menos uma coisa ficou bem explícita: o príncipe usa os seus sapatos até ao ‘último minuto’. https://www.instagram.com/p/BmNcwCnAqal/?utm_source=ig_embed

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Pesquisa: Lula lidera em SP com 21,8% das intenções de voto

08 de agosto de 2018, 13:18

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva lidera a disputa nacional no Estado de São Paulo com 21,8% das intenções de voto no cenário em que o petista é listado como uma das opções, segundo a mais nova pesquisa realizada no Estado de São Paulo pelo instituto MDA em parceria com a Confederação Nacional do Transporte (CNT). Em segundo lugar, em situação de empate técnico, vem o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, 18,4%. O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) aparece em terceiro colocado, também em situação de empate com Bolsonaro, com 14,0%. Logo atrás, vem Marina Silva (Rede), com 6,7% das preferências. Ciro Gomes (PDT) e Álvaro Dias completam os primeiro cinco colocados com 5,0% e 1,4, respectivamente. Manuela D'Ávila, que saiu da disputa, apareceu com 1,3%. Brancos e nulos somaram 17,0%. Indecisos ficaram em 9,8%. A pesquisa da CNT (Confederação Nacional do Transporte), em parceria com a MDA, sobre intenções de voto para presidente da República, governador e senador em São Paulo, está registrada no TSE sob o número SP-04729/2018. Foram realizadas 2.002 entrevistas, distribuídas em 75 municípios de todas as regiões do Estado, entre os dias 2 e 5 de agosto. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, considerando o nível de confiança de 95%. Com informações do Estadão Conteúdo.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Confira o perfil do eleitor brasileiro para as eleições de 2018

08 de agosto de 2018, 08:52

Este ano, país terá 147.302.354 votantes, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral - O eleitorado brasileiro aumentou 3,14% nos últimos quatro anos, saltando de 142.822.046 votantes, em 2014, para 147.302.354 eleitores, divulgou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os eleitores estão distribuídos pelos 5.550 municípios e em 171 localidades de 110 países. Há ainda 1.409.774 eleitores que não poderão votar nem se candidatar este ano, por estarem com os direitos políticos suspensos, segundo o tribunal. As informações são da Agência Brasil. De acordo com o TSE, a maioria do eleitorado brasileiro é formada por mulheres, com 77.337.918 (52,5%), enquanto os homens somam 69.901.035 (47,5%). Em 2014, as mulheres eram 74.459.424 (52,13%) e os homens, 68.247.598 (47,79%). Houve crescimento expressivo dos eleitores no exterior nos últimos quatro anos, passando de 354.184 para 500.727 eleitores, aumento de 41,37%. Para o presidente do tribunal, Luiz Fux, esse aumento é resultado de um esforço conjunto entre a Justiça Eleitoral e o Ministério das Relações Exteriores para facilitar o cadastro de eleitores residentes em outros países. Transexuais e travestis Pela primeira vez, eleitores transexuais e travestis terão seu nome social impresso no título de eleitor e no caderno de votação das Eleições 2018. Ao todo, 6.280 pessoas fizeram essa escolha ao se registrar ou atualizar seus dados na Justiça Eleitoral. Faixa etária De acordo com o levantamento da Justiça Eleitoral, a faixa etária entre 45 e 59 anos concentra mais eleitores, com 35.742.439 brasileiros, o que corresponde a 24,26% do eleitorado. Em seguida, estão os eleitores de 25 a 34 anos, que reúnem 31.149.869 pessoas – 21,15% do total de eleitores. Voto facultativo Os jovens de 16 e 17 anos, cujo voto é opcional, representam 0,95% do eleitorado este ano, num total de 1.400.617 pessoas. Segundo o TSE, os dados apontam redução de 14,53% no número de eleitores jovens. Em 2014, foram registrados 1.638.751 eleitores nessa faixa etária. Biometria Em 2018, os eleitores que serão identificados por biometria aumentou 239,92% em relação a 2014. Este ano, eles somam 73.688.208 votantes (50,3%) do total. Em 2014, eram 21.677.955 pessoas, o que correspondia a 15,18% do eleitorado. Fux avaliou o crescimento da identificação digital dos eleitores e a possibilidade de registro com o nome social de travestis e transexuais como avanços das eleições deste ano. Ele passará o comando do TSE no próximo dia 14 para a ministra Rosa Weber. Grau de instrução A maior parte do eleitorado tem ensino fundamental incompleto: são 38.063.892 eleitores, o que corresponde a 25,84% do eleitorado. Outros 33.676.853 (22,86%) afirmaram ter concluído o ensino médio. Os eleitores com ensino superior somam 13.576.117 cidadãos (16,88%). Segundo o TSE, essas estatísticas devem ser vistas com relatividade, pois a informação reflete a escolaridade declarada pelo eleitor no momento do registro eleitoral ou da atualização de seus dados cadastrais. Colégio eleitoral O estado de São Paulo continua a ser o maior colégio eleitoral do país, com 33.040.411 votantes. Em seguida, vem Minas Gerais, com 15.700.966, e Rio de Janeiro, com 12.406.394. Com 941 eleitores, a cidade de Serra da Saudade (MG) é o município com menos eleitores de acordo com TSE. Já São Paulo, com 9.052.724 eleitores, é o que tem mais pessoas aptas a votar. Pessoas com deficiência Ao todo, 940.613 eleitores declararam ter algum tipo de deficiência ou mobilidade reduzida. O prazo para solicitar transferência para uma seção com acesso facilitado termina em 23 de agosto.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Escavações no Líbano dizem que Bíblia estava errada sobre região

07 de agosto de 2018, 10:06

(Foto: Claude Doumet-Serhal/Divulgação)

As amostras de cinco cadáveres enterrados há 3,6 mil anos no Líbano podem colocar à prova informações contidas na Bíblia. De acordo com o Antigo Testamento, Deus teria ordenado que seus fiéis exterminassem todos os cananeus, população que viveu no local há 4 mil anos. No entanto, as escavações na região mostram que os cananeus permaneceram no local, contrariando a passagem que diz que eles teriam sido extintos e suas cidades, arrasadas. “Realmente não sabemos nada sobre eles de fontes diretas, porque todas foram destruídas, e o pouco que conhecemos é através de outras fontes, como a Bíblia”, explicou Chris Tyler-Smith, geneticista do Instituto Sanger do Wellcome Trust, no Reino Unido, ao jornal El País. Ao encontrar os cadáveres enterrados na região de Sidon, apontada como uma das principais cidades cananeias, a equipe de Tyler-Smith analisou o genoma das ossadas e pôde precisar há quanto tempo os esqueletos viveram. O grupo também constatou que o DNA não só não foi extinto, como foi transmitido por gerações e hoje é predominante nos libaneses. De acordo com o estudo, os cananeus descendiam de agricultores que se estabeleceram na região há mais de 5 mil anos, vindos do leste da Eurásia. “Esta linhagem deve ser comum entre toda a população do Oriente Médio, e podemos estar bastante seguros de que seu peso será similar nos habitantes dos países vizinhos”, afirma Tyler Smith.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Grupo Abril deve demitir 600 funcionários; revistas famosas vão acabar

07 de agosto de 2018, 09:55

Também devem ser descontinuadas as revistas Mundo Estranho, Elle, Cosmopolitan, Casa Claudia, Arquitetura & Construção, Minha Casa e Boa Forma -   Duas semanas depois de entregar a gestão do grupo à consultoria de reestruturação Alvarez & Marsal, a Abril começou nesta segunda (6) a implementar cortes de pessoal e de títulos. A reportagem apurou que, em todo o grupo, devem ser dispensados 570 profissionais até quarta (8). Foi apurado também que devem ser descontinuadas as revistas Mundo Estranho, Elle, Cosmopolitan, Casa Claudia, Arquitetura & Construção, Minha Casa e Boa Forma. Em comunicado no qual anuncia a reformulação, a Abril afirma que passará a "concentrar seus recursos humanos e técnicos em suas marcas líderes: Veja, Veja São Paulo, Exame, Quatro Rodas, Claudia, Saúde, Superinteressante, Viagem e Turismo, Você S/A, Você RH, Guia do Estudante, Capricho, M de Mulher, VIP e Placar". Não detalha quais títulos sobreviverão em versão impressa. Segundo a nota, esses 15 títulos "somam audiência qualificada de 125 milhões de visitantes únicos por mês" -quantidade que superaria os 120,7 milhões de pessoas que acessaram toda a internet brasileira nos últimos três meses, segundo o CGI.br (Comitê Gestor da Internet no Brasil). O comunicado argumenta que a reformulação do portfólio tem "o objetivo de garantir sua saúde operacional em um ambiente de profundas transformações tecnológicas, cujo impacto vem sendo sentido por todo o setor de mídia". Abaixo, a íntegra do comunicado:"Abril anuncia reformulação O Grupo Abril comunica que, como parte do seu processo de reestruturação, está reformulando o portfólio de marcas da editora com o objetivo de garantir sua saúde operacional em um ambiente de profundas transformações tecnológicas, cujo impacto vem sendo sentido por todo o setor de mídia. O processo tornou-se obrigatório para assegurar a continuidade da empresa e garantir seu futuro dentro das circunstâncias impostas por uma economia e um mercado substancialmente menores do que os que trouxeram a Abril até aqui. Com isso, a empresa passará a concentrar seus recursos humanos e técnicos em suas marcas líderes: Veja, Veja São Paulo, Exame, Quatro Rodas, Claudia, Saúde, Superinteressante, Viagem e Turismo, Você S/A, Você RH, Guia do Estudante, Capricho, M de Mulher, VIP e Placar. Marcas que somam audiência qualificada de 125 milhões de visitantes únicos por mês e 5,2 milhões de circulação nas versões impressa e digital por mês, além de centenas de eventos. Aos profissionais que atuaram nos títulos que estão sendo descontinuados, nosso agradecimento pela dedicação e pelo profissionalismo. Em consonância com sua trajetória e relevância na imprensa brasileira, a Abril reafirma o seu compromisso de manter vivo o jornalismo de qualidade. Uma imprensa forte, livre e idônea em seus princípios é essencial para o desenvolvimento do Brasil e o único antídoto contra desinformação e fake news."

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

84% dos trabalhadores estão com problemas financeiros, aponta pesquisa

07 de agosto de 2018, 08:40

(Foto: © rawpixel.com / Unsplash)

O estudo revelou que apenas 16% dos colaboradores ouvidos são capacitados financeiramente, ou seja, conseguem pagar suas contas­ -   Com o objetivo de mostrar a importância da educação financeira nas empresas, a Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin), divulga uma pesquisa inédita sobre a saúde financeira dos trabalhadores brasileiros. Em parceria com a Unicamp e o Instituto Axxus foram entrevistados 2.000 funcionários de cem empresas, dos mais diferentes níveis hierárquicos, nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Bahia, Ceará, Mato Grosso do Sul, Amazonas e Distrito Federal. A pesquisa revelou que apenas 16% dos colaboradores ouvidos são capacitados financeiramente, ou seja, conseguem pagar suas contas com o remuneramento mensal e planejam seus gastos com antecedência. Por outro lado, 84% dos entrevistados enfrentam dificuldades para lidar com o dinheiro, sofrem prejuízos ou não entendem de finanças. O resultado, é claro, são dívidas, e proporcionalmente quanto maiores elas forem, menor será o rendimento dos colaboradores. “Os dados apresentados são realmente preocupantes para as empresas, sendo que essa dificuldade, mais cedo ou mais tarde, pode ter reflexo na produtividade dos profissionais. Pois, ao se endividarem, eles perderão o foco no trabalho, muitas vezes receberão ligações de cobradores ou buscarão alternativas, estarão mais nervosos em casos extremos forçam a demissão para quitar as dívidas com o dinheiro da rescisão contratual. Assim, as empresas devem se precaver implementando a educação financeira como um benefício aos colaboradores”, explica o presidente da DSOP, Reinaldo Domingos. CONARH 2018 Os dados da pesquisa vão de encontro à 44ª edição do CONARH – Congresso Nacional sobre Gestão de Pessoas, que acontece de 14 a 16 de agosto, no São Paulo Expo, na capital paulista. O tema escolhido neste ano é Protagonista da Transformação levando a ideia de colocar em prática ações que façam a diferença nas empresas, com o objetivo de mostrar que todos são responsáveis por serem protagonistas, influenciando as pessoas de forma positiva. Pensando nisso, durante os três dias do congresso a DSOP Educação Financeira também irá oferecer gratuitamente um Teste de Perfil Financeiro para que os gestores de Recursos Humanos possam aplicar nas empresas, podendo assim diagnosticar financeiramente os seus colaboradores, sabendo se eles se encontram endividados, equilibrados ou são investidores. Por que educar financeiramente? A implementação de um programa de educação financeira na empresa propicia uma estrutura de apoio, amparo e instrução para os colaboradores. Com esse suporte, o profissional aprende a administrar os recursos financeiros que passam por suas mãos e a respeitar o limite de seu padrão de vida. Muitos acreditam que a solução para os problemas financeiros é ter aumento salarial ou de benefícios. Contudo, trata-se de aprender a administrar a quantia que se tem, antes mesmo de buscar mais. Ao elaborar um orçamento financeiro que leve à conquista de seus sonhos, o profissional aprende a equilibrar as finanças e mudar seus hábitos e comportamentos, consumindo de forma mais consciente. O programa de educação financeira nas empresas não diz respeito a palestras de finanças pessoais ou cursos de investimentos. Trata-se de um benefício alicerçado da responsabilidade social da empresa, beneficiando funcionários, familiares, comunidade e a própria organização. A empresa que investe em programas de educação financeira também ganha, visto que seus colaboradores trabalham com mais prazer, mais tranquilidade e buscando crescimento, pois retomam a consciência de ter objetivos.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Pesquisa que usou corante para combater câncer ganha prêmio

07 de agosto de 2018, 08:29

(Foto: © iStock)

Os nomes dos ganhadores foram revelados em cerimônia de entrega que ocorreu na noite desta segunda-feira (6) no teatro da Faculdade de Medicina da USP, em São Paulo -   Uma pesquisa da USP que testou o uso de um corante alimentício como forma de impedir o avanço de um tipo de câncer que atinge principalmente crianças venceu a categoria Pesquisa em Oncologia do 9º Prêmio Octavio Frias de Oliveira. Já um exame que investiga, com ajuda de inteligência artificial, a origem de um tumor que se espalha pelo organismo foi o vencedor da categoria Inovação Tecnológica em Oncologia. Os nomes dos ganhadores foram revelados em cerimônia de entrega que ocorreu na noite desta segunda-feira (6) no teatro da Faculdade de Medicina da USP, em São Paulo. A apresentação ficou a cargo da atriz Denise Fraga. O oncologista pediátrico e fundador do Graacc (Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer),  Sérgio Petrilli, 71, foi o vencedor na categoria Personalidade em Destaque. A ONG, criada em 1991, é referência no câncer infantojuvenil. A premiação é uma iniciativa do Icesp (Instituto do Câncer do Estado de São Paulo Octavio Frias de Oliveira), em parceria com o Grupo Folha. A láurea, que leva o nome do então publisher da Folha de S. Paulo, morto em 2007, busca reconhecer e estimular contribuições na área oncológica. Para cada categoria, a premiação é de R$ 20 mil. Os vencedores são apontados por uma comissão composta por representantes do Icesp, da Faculdade de Medicina da USP, do HC da USP, da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), da Academia Nacional de Medicina, da Academia Brasileira de Ciências, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), da Fundação Oncocentro de São Paulo e da Folha de S. Paulo. O estudo vencedor na categoria Pesquisa em Oncologia foi liderado pela professora de bioquímica da USP Claudiana Lameu. Em um discurso emocionado, ela falou das dificuldades de fazer ciência no Brasil. "Estamos na luta para superar as dificuldades na ciência. Precisamos de incentivos como esse prêmio, especialmente diante do medo de cortes de verba. Podemos nos sentir heróis por nosso trabalho. Parabenizo todos os brasileiros na luta pela ciência do país", disse. O alvo da equipe de investigadores foi o neuroblastoma, câncer que comumente surge na glândula suprarrenal. Quase 90% das ocorrências desse tumor são em crianças, e cerca de 50% a 60% delas já têm metástase (ou seja, o espalhamento do tumor para outros locais do corpo) no momento do diagnóstico. O neuroblastoma pode se espalhar para a medula óssea, osso, fígado, gânglios linfáticos ou, menos comumente, pele ou cérebro. Os pesquisadores testaram então um corante alimentício que dá a cor azul a alimentos para, de alguma forma, bloquear essa metástase. Os testes foram feitos em camundongos -curiosamente, os animais que receberam o corante também ficaram azuis. Resultado: o corante conseguiu bloquear um receptor do sistema purinégico -trata-se de um conjunto de possíveis alvo farmacológicos descoberto há pouco tempo e que está em todas as células; dependendo do local, esses receptores podem funcionar como ativadores do sistema imune. Com isso, houve diminuição do tamanho do tumor (em comparação com os roedores que não receberam a substância) e, o mais importante, houve também uma redução na disseminação das células tumorais.Segundo Claudiana Lameu, a equipe pretende, no futuro, usar a nanotecnologia para produzir uma versão mais potente, o que vai permitir o uso de uma dose menor, com menos efeitos colaterais -incluindo a coloração azul. Já o prêmio na categoria Inovação Tecnológica em Oncologia foi dado a Marcos Tadeu dos Santos, da startup Onkos Diagnósticos Moleculares. Uma parceria da empresa com o Fleury, o Hospital de Câncer de Barretos e a Universidade Federal do Maranhão permitiu o desenvolvimento de um exame que analisa 95 genes com ajuda de inteligência artificial e descobre a origem de um tumor que já se espalhou para diferentes órgãos. Ao apontar a origem do tumor, o objetivo é indicar também tratamentos mais eficazes, segundo Santos.Em seu discurso, ele disse que essa relação entre indústria e universidade ainda é incipiente no Brasil e tem espaço para crescer. "A pesquisa de verdade é colaborativa, com apoio de várias frentes. O que começou no computador de uma república de estudantes hoje pode ajudar os pacientes com câncer." Com informações da Folhapress.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Após 39 anos: pai e filha se conhecem por acaso dentro de ônibus

07 de agosto de 2018, 08:18

(Foto: © Reprodução / G1)

Joana D'arc Bezerra ficou curiosa quando o homem, coincidentemente, sentou ao seu lado no ônibus -   Poderia ser apenas mais uma viagem normal de ônibus dentro de Fortaleza, mas a manicure Joana D'arc Bezerra, de 39 anos, viu sua vida mudar ao entrar no transporte da linha Borges de Melo. Foi neste dia que ela encontrou o pai, Francisco Nazaré Galvão, pela primeira vez desde que nasceu. As informações são do G1. Joana ficou curiosa quando o homem, coincidentemente, sentou ao seu lado no ônibus e ela reconheceu o sobrenome num envelope que ele segurava. Ao conversar com o aposentado, já desconfiada, ela pediu para tirar uma foto e mostrou à sua mãe logo depois, que confirmou que ele era seu pai. Francisco namorou a mãe de Joana há 39 anos, que engravidou, mas o relacionamento terminou antes da menina nascer. Os pais perderam o contato e a manicure foi criada pelos avós maternos. No segundo encontro, que também foi por acaso, Joana e Francisco trocaram telefones e hoje já se relacionam como pai e filha. "Jamais imaginaria que eu estaria ali ao lado do homem que eu sempre quis conhecer na minha vida. E está aqui o meu pai", comentou. A filha aguarda o teste de DNA para confirmar a paternidade, mas já diz que já ama Francisco. "Sou louca por ele. Amo de coração mesmo. É muito bom conhecer, estou muito feliz", comemora.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Pessoas mais inteligentes têm mais dificuldade em acordar cedo

30 de julho de 2018, 14:29

Uma nova pesquisa sugere que os indivíduos mais inteligentes, criativos e felizes precisam de dormir durante mais horas - Oestudo intitulado ‘Why Night Owls Are More Intelligent’ (ou ‘ O Porquê de as Corujas Serem Mais Inteligentes’) refere que estar em controle sobre quando se deita e se levanta é um sinal de inteligência. Clicar no botão do ‘soneca’ é uma invenção relativamente nova e algo para o qual a evolução não preparou o ser humano. Quem costuma ativar a função, para poder dormir mais uns minutos, é mais intelectual, de acordo com os pesquisadores Satoshi Kanazawa and Kaja Perina. Ignorar a regra que é necessário levantar assim que o alarme toca – e ao invés, ter em atenção aquilo que o corpo precisa – significa que esses indivíduos estão mais propensos a seguirem as suas ambições e a enfrentar as dificuldades e problemas que vão surgindo no dia a dia. Kanazawa e Perina argumentam que tal torna estes indivíduos mais criativos e independentes. Os resultados desta pesquisa são apoiados por um estudo semelhanterealizado pela Universidade de Southampton, no Reino Unido, que avaliou a situação socioeconômica de 1.229 indivíduos em correlação com os seus padrões de sono. E revelou que quem se deitava antes das 23h e acordava após as 8h ganhava mais dinheiro e era mais feliz. Apesar do fato de a criatividade e de a inteligência desabrocharem durante o sono da manhã, a verdade é que dormir muito também não é aconselhável. De acordo com a organização britânica National Sleep Foundation, os adultos devem dormir entre sete a nove horas por noite, de modo a manterem um estilo de vida saudável, tanto a nível físico como mental.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Entidade alerta para avanço das fake news sobre vacinas

18 de julho de 2018, 13:20

No caso do sarampo, vários alertas foram emitidos desde 2017 - A Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) alerta para o problema das fake news (notícias falsas) sobre saúde que circulam em redes sociais e aplicativos de mensagens, muitas vezes desencorajando as pessoas a tomar vacinas. Especialista em imunização da entidade, Lely Guzman ressaltou que a Opas está ajudando o governo brasileiro e frisou que a principal medida para impedir a introdução e a disseminação de vírus como o do sarampo é a vacinação. "Especialmente na América Central e do Sul, não há muita influência dos movimentos antivacina, mas as informações falsas são motivo de preocupação. Por isso, a comunicação social, a ampla divulgação de informações com base em evidências, é muito importante." "Todas as doenças são foco de preocupação constante", completou a especialista. "Mas algumas representam risco de propagação internacional, principalmente em caso de surtos." Este ano, segundo Lely Guzman, foram publicadas atualizações para sarampo, febre amarela, malária, difteria, influenza (gripe) e pólio. No caso do sarampo, vários alertas foram emitidos desde 2017. "Na época em que anunciamos que a América foi declarada livre do sarampo (a primeira região do mundo em que isso aconteceu, em 2016), a Opas e o Comitê Internacional de Peritos para a Eliminação do Sarampo e da Rubéola recomendaram a todos os países das Américas que fortalecessem a vigilância ativa dos casos e mantivessem a imunidade de suas populações por meio da vacinação, porque o sarampo continuava e continua circulando amplamente em outras regiões do mundo." Erradicação De 2016 para 2017, a cobertura vacinal dessa doença caiu drasticamente no Brasil, por exemplo. Ainda assim, a especialista explica que, do ponto de vista técnico, o sarampo continua erradicado das Américas, embora casos já tenham sido registrados em 11 países - Antígua e Barbuda, Argentina, Brasil, Canadá, Colômbia, Equador, Estados Unidos, Guatemala, México, Peru e Venezuela. "A condição clássica para um país ou região restabelecer a transmissão endêmica do sarampo ou da rubéola é que o vírus, do mesmo genótipo e linhagem, tenha circulado por mais de 12 meses no território", explicou. "Depois desse período, o país ou região perderia o certificado de eliminação." Com informações do Estadão Conteúdo.

Leia mais...

DIVULGUE A NOTÍCIA

Boas Festas!

VÍDEOS