Na Turquia, mais de 40 pessoas morreram após consumirem álcool adulterado

15 de outubro de 2020, 08:50

(Foto: Reprodução)

De acordo com o jornal local Hürriyet, pelo menos 44 pessoas morreram e outras 50 foram internadas nos últimos quatro dias na Turquia, devido ao consumo de bebidas alcóolica adulteradas com desinfetantes e outros produtos de limpeza.

A província de Esmirna, na costa do mar Egeu, foi a mais afetada, com o registro de 18 mortes, além de várias hospitalizações. Istambul e diversas áreas do mar Negro também são locais afetados no país.

As autoridades locais já detiveram 58 pessoas nos últimos quatro dias, sob as acusações de produção e venda de bebidas misturadas com álcool etílico e metílico.

Nos últimos anos, o consumo de bebidas alcoólicas caseiras e contrabandeadas tem aumentado na Turquia. O motivo é o aumento dos impostos que incidem sobre o álcool. A taxação sobre a cerveja foi elevada em 360% nos últimos dez anos, enquanto uma bebida local, conhecida como raki, teve alta de 440%.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS