Morte de menino em MG relembra perigo sobre usar celular enquanto carrega

09 de dezembro de 2019, 10:32

Wender Santos Bezerra, de 13 anos, teria sido vítima de choque de carregador de celular (Foto: Reprodução)

Um menino de 13 anos morreu em Montes Claros (MG) na noite de sexta-feira (6), segundo a família contou à Polícia Militar, por conta de um choque elétrico ao carregar um telefone celular. Wender Santos Bezerra chegou a ser socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de de Urgência e Emergência (Samu), mas não resistiu aos ferimentos.

O menino teria colocado o celular com o carregador ligado à tomada, ao mesmo tempo em que ouvia música com o fone no ouvido sentado a uma cadeira. Ele caiu no chão e foi visto pelo irmão mais novo, que chamou os pais.

O caso agora será investigado pela Polícia Civil de Minas Gerais para solucionar as causas da morte. O corpo de Wendel vai ser velado na manhã deste sábado (7). Ainda não há informações sobre a marca e o modelo do celular e do carregador.

O laudo preliminar do IML (Instituto Médico Legal) foi emitido com “causa indeterminada”, sem haver sinal de causa violenta no corpo. O laudo final da necrópsia deve sair em 30 dias.

A morte de Wender é mais uma dentre recentes envolvendo celulares ligados a carregadores. Uma mulher de 26 anos morreu em setembro na Rússia após seu celular, que estava carregando, cair na banheira. Na Tailândia, um homem de 40 anos foi encontrado morto em novembro, supostamente eletrocutado enquanto usava o celular deitado na cama.

As recomendações dos especialistas para evitar ser mais uma vítima são:

Evitar ao máximo mexer nos aparelhos durante a recarga da bateria. E isso vale para todos os dispositivos eletrônicos

Evitar usar carregadores piratas

Evitar usar o celular conectado na tomada durante o banho ou em algum ambiente perto de água ou vapor

Evitar usar o celular quando ele estiver esquentando demais

Evitar carregar o celular em extensões elétricas de má qualidade

Cuidar da rede elétrica do local onde você costuma carregar o celular

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS