Morre segundo indígena vítima de Covid-19 na Bahia

13 de julho de 2020, 08:33

Em nota, a Secretaria de Assuntos Indígenas da Prefeitura de Cabrália lamentou a morte (Foto: Reprodução)

estava com Covid-19 morreu na última terça (7), em um hospital público de Porto Seguro, no Sul da Bahia. Internado em estado grave, Valmir Nunes Alves, de 78 anos, era residente na terra indígena Coroa Vermelha, na cidade de Santa Cruz Cabrália. É o segundo indígena morto pela doença no estado.

A vítima chegou a ficar hospitalizada por duas semanas e foi intubada em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas não resistiu, segundo informações da Prefeitura de Cabrália, da Associação Nacional de Ação Indigenista (Anaí) e do Movimento Unido dos Povos e Organizações Indígenas da Bahia (Mupoiba).

Até o momento, a morte da segunda vítima ainda não foi computada pela Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), ligada ao Ministério da Saúde, que registra apenas um óbito na Bahia.

Em nota, a Secretaria de Assuntos Indígenas da Prefeitura de Cabrália lamentou a morte de Valmir Nunes.

Fonte: Metro1

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS