Luz de alerta da injeção acendeu? Saiba qual pode ser o problema

23 de agosto de 2020, 15:20

"De repente acende a luz de alerta da injeção no painel e você logo fica a imaginar: será algum problema na injeção eletrônica?" (Foto: Reprodução)

Se durante a condução do seu veículo a luz de alerta da injeção se acender no painel, você precisará avaliar as possíveis causas que podem tê-la acionado. Os motivos podem ser simples ou não.

De repente acende a luz de alerta da injeção no painel, aquele motorzinho que se acende ali e você logo fica a imaginar: será algum problema na injeção eletrônica? E você sabe que quando se acende essa luz, é porque tem alguma anormalidade no motor, que passa a funcionar em regime emergencial. Mas o carro deve ser levado para a concessionária ou uma oficina com computado para se diagnosticar o problema.

Entretanto, essa luz que se acende pode ser provocada pelo abastecimento do tanque com combustível adulterado. Em geral, a gasolina provoca essa alerta no painel. Vale a pena tentar se lembrar se antes dessa luz se acender, se o carro não foi abastecido em um posto que não seja de confiança. Porque neste caso, vale a pena rodar até reduzir o combustível no tanque e voltar a abastecer com a gasolina de qualidade. Se logo depois a luz se apagar, o problema está resolvido!

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS