Jacobina Arte comemora aniversário de fundação com eventos na Grécia

19 de novembro de 2019, 13:59

(Foto: Reprodução/Jacobina Arte)

A famosa, histórica e principal cidade da região grega da Maceônica, Thessaloniki (ou Tessalônica), recebeu no início do mês de novembro (8,9 e 10), capoeiristas de diversas partes do mundo para comemorar o 19º aniversário do Grupo de Capoeira Jacobina Arte; agremiação fundada pelo jacobinense Marcos Paulo Almeida Brandão, o mestre Pitbull, que reside atualmente na Grécia.

Construída no séc. XVI, a Torre Branca  foi adotada como símbolo de Thessaloniki

O evento que foi realizado no Centro Cultural de Thessaloniki reuniu alunos, contramestres e mestres de capoeira que atuam na Europa e no Brasil. Foram três dias de festa e muita roda de capoeira para marcar uma importante data para o esporte e cultura Brasileira e Mundial, proporcionado por um perseverante jacobinense que acreditou e conseguiu realizar a façanha de disseminar uma das principais e positivas heranças dos escravos africanos para países do Ocidente e do Oriente, levando sempre o nome da sua cidade natal, a qual é homenageada com o nome do grupo.

 

Mestre Pitbull

“Sinto-me uma pessoa realizada, por fazer o que gosto e por está contribuindo em apresentar este esporte que na verdade é uma arte cultural. Nestes 19 anos de fundação, o Jacobina Arte só tem a agradecer a todos que nos acompanham e que acreditam em nosso trabalho. Obrigado aos amigos, alunos e professores. Vamos comemorar que a festa é nossa; a festa é de quem pratica e apóia a capoeira”, comemora mestre Pitbull, finalizando com a afirmação: “mais do que um esporte, a capoeira é uma forma de expressão cultural que reúne história, tradição e muitos benefícios para saúde”.

A bandeira de Jacobina é presença marcante nos eventos

O contramestre Torneiro foi o responsável pela organização das comemorações deste ano, que contou ainda com as presenças dos seus parceiros, mestre Parafuso (França), mestre Ligeirinho, Formado Urso, os professores Falcão, Malandro, Corpo Fechado e os contramestres Torneiro, Gavião e Montanha (Grécia),contramestre Santo (Turquia), contramestre Abadá (Croácia), graduado Furacão (Áustria). O também jacobinense, contramestre Drácula que atua em Jacobina foi um dos convidados. Já o professor mestre Lourival, primeiro instrutor de Pitbull, foi um dos homenageados.

Encontro dos mestres Lourival e Pitbull

CAPOEIRA – Presente na cultura brasileira desde o tempo dos escravos, a capoeira é mais do que um esporte, é um miste de luta, arte, dança, ritmos e música, em uma roda cheia de gingado ao som do berimbau. Espalhada pelo Brasil, inicialmente a fim de trazer proteção, a capoeira também pode proporcionar benefícios não só para a mente.

 

DIVULGUE A NOTÍCIA

Justiça multa Facebook em R$ 6,6 mi por compartilhar dados de usuários

OMinistério da Justiça e da Segurança Pública (MJSP) decidiu multar o Facebook em R$ 6,6 milhões por compartilhamento indevido de dados de usuários cadastrados na rede social. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta segunda-feira, 30.

A multa, aplicada pelo Departamento de proteção e Defesa do Consumidor (DPDC), órgão do MJSP, acontece após investigação que identificou “prática abusiva” por parte da empresa de tecnologia, que teria deixado vulneráveis dados de 443 mil usuários.

Segundo nota publicada no site da pasta, “o caso começou a ser investigado após notícia veiculada pela mídia, em 4 de abril de 2018, informando que os usuários do Facebook, no País, poderiam ter sofrido com o uso indevido de dados pela consultoria de marketing político Cambridge Analytica”, que ganhou notoriedade global por ter trabalhado na campanha presidencial de Donald Trump, nos Estados Unidos, e também para a campanha do Brexit, como é conhecido o processo de saída do Reino Unido da União Europeia.

Pelo Twitter, o ministro da Justiça, Sérgio Moro, destacou a decisão do ministério e afirmou que “as redes revolucionaram a forma pela qual nos comunicamos e expressamos, mas há questões sobre privacidade a serem consideradas”. O Facebook tem dez dias para recorrer da decisão.

VÍDEOS