iPhone X explode após atualização do iOS e surpreende até mesmo a Apple

15 de novembro de 2018, 12:32

Um usuário foi surpreendido com seu iPhone X, com apenas 10 meses de uso, soltando fumaça e depois explodindo após a atualização para o iOS 12.1. A Apple ficou surpresa e disse que esse comportamento não é esperado

“Definitivamente este não é um comportamento esperado” do iPhone X, disse a Apple a um usuário cujo smartphone simplesmente superaqueceu a ponto de explodir, depois de ter sido atualizado para o iOS 12.1. O dono do aparelho publicou imagens do iPhone X danificado em seu Twitter, com essa resposta sendo dada pelo perfil oficial de suporte da Maçã.

De acordo com o dono do aparelho, seu iPhone X, com apenas 10 meses de uso, começou a soltar fumaça até que, de repente, explodiu depois do update. Ele contou: “Neste ano, no começo de janeiro, comprei o iPhone e o usei normalmente”, até que ele decidiu atualizar o sistema para o iOS 12.1. Durante o processo de instalação, o aparelho estava sendo carregado na tomada, quando “uma fumaça cinza escura começou a sair do aparelho; a atualização foi concluída e assim que o telefone ligou, começou a pegar fogo”.

Segundo o usuário, tanto o cabo quanto o carregador usados no momento do incidente eram originais, ainda que a explosão tenha acontecido depois de o aparelho ter sido tirado da tomada. Nesse momento, ele segurou seu iPhone e observou que ele estava muito quente pouco antes de a fumaça começar a sair.

A Apple, então, pediu para que o usuário enviasse o dispositivo à sua central de suporte para que a empresa possa investigar a causa do problema.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS