Inscrições para Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária terminam na terça-feira, 13 de outubro

10 de outubro de 2020, 12:43

(Foto: Divulgação)

A maior feira da agricultura familiar do país, a Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária, chega à 11ª edição e já tem data marcada para acontecer. O evento será realizado, pela primeira vez de modo virtual, no período de 05 a 13 de dezembro de 2020.

O edital para participar da Feira segue com as inscrições abertas até o dia 13 de outubro, no site www.sdr.ba.gov.br, onde é possível encontrar todas as informações sobre o evento.

A Feira é uma realização da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e da União das Cooperativas da Agricultura Familiar (Unicafes), sendo organizada por meio da Superintendência de Agricultura Familiar (Suaf) e da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR). Faz parte da estratégia do Governo do Estado de promover espaços de comercialização dos produtos da agricultura familiar.

Podem participar redes de comercialização, cooperativas ou associações que representam o conjunto de empreendimentos, coletivos ou individuais, pertencentes à agricultura familiar, reforma agrária, crédito fundiário, povos e comunidades tradicionais e economia solidária presentes nos 27 Territórios de Identidade da Bahia.

Para isso, é preciso ficar atento às etapas e aos prazos. O primeiro passo para garantir que os produtos sejam comercializados no website da Feira Baiana é procurar o Colegiado Territorial, que vai se reunir com associações e cooperativas para decidir quais os produtos e qual a entidade que irá representar o território. É a entidade que cadastrar os produtos escolhidos da região.

A versão virtual da Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária vai reunir maior número de produtos dos diferentes sistemas produtivos. Os internautas contarão com uma Vila do Artesanato e Praça Virtual de Povos e Comunidades Tradicionais, com produtos para comercialização, além de uma inovação, o Espaço de Trilhas e Rotas Produtivas Virtuais, que apresentará a riqueza e diversidade do rural baiano.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS