Guerrero diz crer em liberação e diz confiar que verdade virá à tona

09 de novembro de 2017, 14:34

Defesa do atacante está tentando liberá-lo para que ele possa jogar pelo Flamengo e pela seleção

Por meio de sua conta pessoal no Facebook, Paolo Guerrero se pronunciou sobre a suspensão preventiva por doping imposta pela Fifa. O centroavante do Flamengo e da seleção peruana agradeceu pelo apoio recebido e se mostrou confiança de que será liberado.
“Muito obrigado a todos por seu apoio! Eu confio que a verdade em breve será conhecida e eu retornarei aos campos para defender com meu coração e minha alma as cores do meu país. Vamos Peru”, escreveu Guerrero.
“Muito obrigado a todos por seu apoio! Eu confio que a verdade em breve será conhecida e eu retornarei aos campos para defender com meu coração e minha alma as cores do meu país. Vamos Peru”, escreveu Guerrero.
Em virtude do exame antidoping que detectou a substância Benzoilecgonina, principal metabólito da cocaína, Guerrero está suspenso preventivamente por 30 dias. A contraprova será aberta nesta quinta-feira (9), na Alemanha. Caso seja confirmado o uso da substância, pode haver um gancho de até quatro anos.

A defesa de Guerrero está tentando liberá-lo para que ele possa jogar pelo Flamengo e pela seleção. Em contato com o UOL Esporte, o advogado Bichara Neto confirmou ter procurado a Fifa com um pedido de interrupção da suspensão preventiva.

A resposta da entidade será dada até esta sexta-feira (10). Se liberado, o atacante poderá defender o Peru na partida de volta da repescagem para a Copa do Mundo, contra a Nova Zelândia. (Folhapress)

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS