Governo da Bahia através da SDR, SUAF e CAR, entrega kits forrageiros para agricultores familiares de Itiúba

10 de setembro de 2020, 16:20

Mais de 100 agricultores familiares de entidades associativistas do município serão beneficiados (Foto: Ascom Prefeitura de Itiúba)

Agricultoras e agricultores familiares do município de Itiúba, localizado no Território de identidade do Sisal receberam kits forrageiros móveis através de ação do Governo do Estado da Bahia, por meio da Superintendência da Agricultura Familiar (SUAF) em parceria com a Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), órgãos ligados a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), em ato que aconteceu na manhã desse sábado (5).

O Governo da Bahia Já entregou mais de 100 forrageiros móveis para agricultoras e agricultores familiares de diversos municípios do estado, abrangendo os territórios de identidade: Bacia do Jacuípe, Irecê, Médio Rio de Contas, Piemonte Norte do Itapicuru, Sertão do São Francisco e Sisal.

As entregas contemplaram ações do Programa Rota do Cordeiro, Ministério da Integração Nacional, beneficiando a Associação Regional da Escola Família Agrícola de Itiúba (AREFAI), Associação Comunitária e Agropastoril da Fazenda Pedra do Dórea, Associação Comunitária dos Moradores e Agropecuaristas da Fazenda Mangabeira, Associação dos Pequenos Agricultores da Fazenda Nova e Região e Associação Comunitária Sitio dos Moços.

O governo do estado da Bahia através da SDR, SUAF e CAR tem realizado importantes ações necessárias a organização das cadeias produtivas, dentre elas a caprinovinocultura, com destaque para a viabilização da segurança alimentar do rebanho, abrangendo desde a doação de mudas de palma forrageira, doce ou miúda, resistente à cochonilha-do-carmim a equipamentos necessários à preparação de ração animal, afirma Vinícios Videira, Superintendente de Agricultura Familiar (SUAF).

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS