Golpe de empréstimo pelo WhatsApp cresce quase 200% em dois anos

31 de outubro de 2019, 07:50

(Foto: Reprodução)

Golpes que oferecem falsosempréstimos de dinheiro para usuários do WhatsApp cresceram194% nos últimos dois anos em todo o Brasil. Segundo levantamento da empresa Reclame Aqui, de janeiro a setembro de 2019, foram 683 denúncias, uma média de 2,5 por dia. No mesmo período de 2017, houve 232 reclamações. Em 2018, a página compilou 519 casos (veja ao final os números anuais totais).

O modo de operação dos golpistas é quase sempre parecido. Eles enviam mensagens aleatórias, oferecendo valores vultuosos, de forma rápida e com taxas mais baixas que as de mercado. Para concretizar o crime, os bandidos solicitam pagamentos antecipados de taxas, como Imposto de Operação Financeira (IOF).

Para não correr risco de cair em golpes, as dicas de especialistas são nunca clicar em links suspeitos e desconfiar de ofertas tentadoras. Em muitos casos, os erros de português também denunciam a aplicação dos crimes. Outro indicativo que merece suspeita é quando uma empresa com a qual o usuário nunca teve relacionamento aparecer dizendo que seu crédito está aprovado.

Confira abaixo as reclamações ano a ano.

2017: 350;

2018: 692;

2019: 683 (até setembro).

Divulgação/Noverde/Veja SP

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS