Gêmeas recém-nascidas morrem após serem atacadas por cachorro da família

24 de junho de 2020, 11:26

As recém-nascidas Anne e Analú foram socorridas por uma amiga da família que é técnica de enfermagem (Foto: Álbum de família)

Duas irmãs gêmeas, de 26 dias, morreram após serem atacadas pelo cachorro da família, em Piripá, na Bahia, na terça-feira (23). De acordo com a mãe das vítimas, ela teria chegado a ouvir o barulho, correu para socorrer as filhas e conseguiu retirar o animal. As informações são do G1.

As recém-nascidas Anne e Analú foram socorridas por uma amiga da família que é técnica de enfermagem. Em seguida, elas foram levadas para o Hospital Municipal Maria Pedreira Barbosa, em Piripá.

Segundo o médico plantonista da unidade, uma das bebês chegou sem vida no hospital e a outra estava em estado grave. Todos os procedimentos médicos possíveis no momento foram realizados, no entanto, a outra criança também não resistiu.

Ao G1, o médico ressaltou que a mãe das gêmeas sempre demonstrou cuidado com as filhas durante a gravidez e após o nascimento das meninas. Anne e Analú foram enterradas na terça-feira, no cemitério da Saudade Dois.

Nas redes sociais, a prefeitura de Piripá divulgou uma nota em que manifestou o mais profundo pesar pelo falecimento das bebês. A delegacia da cidade informou ao G1 que não vai abrir investigação sobre o caso.

https://m.facebook.com/GovernodePiripa/

 

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS