Garimpeiro se torna milionário após descobrir duas raras pedras preciosas

25 de junho de 2020, 14:21

Saniniu Kuryan Laizer, de 52 anos, mostra as duas peças gigantes de tanzanita (Foto: Filbert RWEYEMAMU)

Um garimpeiro da Tanzânia tornou-se milionário após vender ao governo duas das maiores peças de tanzanita, uma pedra preciosa.

Saniniu Kuryan Laizer, de 52 anos, descobriu as duas pedras, que pesam 9,27 e 5,1 kg, nas montanhas de Mererani (norte), em uma área que o presidente da Tanzânia, John Magufuli, cercou com um muro em 2018 para controlar a produção e combater as exportações ilegais de tanzanita.

O garimpeiro as vendeu ao governo por 7,7 bilhões de xelins (cerca de 2,9 milhões de euros e 3,3 milhões de dólares).

A tanzanita, pedra preciosa de cor entre azul e púrpura que é exportada principalmente para a Índia, é encontrada apenas nas montanhas de Mererani, perto do monte Kilimanjaro.

Em uma recepção organizada na quarta-feira na cidade de Manyara para comemorar a descoberta, o ministro da Mineração da Tanzânia, Doto Biteko, afirmou que essas pedras são as maiores já descobertas no país.

“Passamos de uma situação em que os mineradores independentes traficavam a tanzanita para uma em que respeitam os processos, e pagam as taxas governamentais”, declarou.

Laizer disse que planeja usar esse dinheiro para ajudar sua comunidade. “Planejo construir um centro comercial em Arusha e uma escola perto da minha casa”, disse.

O governo anunciou no Twitter que as duas peças serão guardadas no museu nacional.

Em 2018, quando o exército começou a construir um muro de 24,4 km em volta das minas de Mererani, o presidente Magufuli estimou que 40% da produção nacional da tanzanita era perdida com o contrabando.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS