Jacobina: Doações da JMC beneficiam o ‘Lar dos Idosos Cruzada do Bem

03 de abril de 2020, 13:16

(Foto: JMC)

 

(Da assessoria) – Durante o período delicado pelo qual o mundo atravessa, é necessário que as pessoas pensem no próximo. Ajudar é um ótimo caminho para que, unida, a sociedade consiga alcançar resultados positivos no combate à disseminação do novo coronavírus (Covid-19). Em sintonia com esse assunto, a Jacobina Mineração e Comércio (JMC) realizou a doação de itens de higiene ao ‘Lar dos Idosos Cruzado Bem’. Entre eles estão sabonetes líquidos, álcool em gel, luvas e, em breve, também serão doadas máscaras.

“A JMC entende que este é um momento difícil e incerto para todos, por esse motivo, estamos realizando diversas ações para colaborar com a comunidade na prevenção contra o novo coronavírus. A empresa continua implementado medidas adicionais para apoiar a população como: criação de um fundo para a compra de equipamentos de saúde, proteção e medicamentos, diversas doações de suprimentos preventivos para o município, além de anúncios nas rádios com dicas de prevenção. Nosso intuito é ajudar a comunidade de todas as maneiras que pudermos, continuaremos com as nossas doações enquanto for necessário”, comenta Edvaldo Amaral, gerente-geral da JMC.

O ‘Lar dos Idosos Cruzado Bem’ é uma instituição filantrópica que, atualmente, abriga 56 idosos. O local oferece serviço de qualidade às pessoas da terceira idade que, devido à epidemia do novo coronavírus, necessitam de mais atenção e cuidados de prevenção contra a doença. “Ficamos muito felizes em receber as doações. O mundo está passando por um momento muito delicado e precisamos colaborar uns com os outros. Os idosos, por fazerem parte do grupo de risco diante da Covid-19, necessitam de um serviço eficaz, higienização redobrada e que sejam realizadas todas as medidas de proteção necessárias”, comenta Marcos Pessoa, administrador do Lar dos Idosos Cruzado Bem.

A JMC está seguindo, criteriosamente, as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde e realizando uma série de ações internas e externas para garantir a adoção das melhores práticas de prevenção e combate ao novo coronavírus.

Deseja ajudar também?

– As doações de material podem ser entregues na portaria da instituição.

Endereço: Rua Fraternidade, 254, Félix Tomaz, Jacobina

Vale ressaltar que ninguém poderá entrar no local, devido às medidas de proteção aos idosos contra o novo coronavírus.

– Caso a doação seja em dinheiro, o doador deve realizar através de transação bancária (depósito ou transferência) para a conta da instituição:

Banco do Brasil

Agência: 2305-1

Conta Corrente: 13064-8

CNPJ: 14.545.887/0002-18.


– Mais informações podem ser obtidas através dos telefones (74) 3621-4215 ou (74) 991139642.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS