Desrespeitando decreto que proíbe o transporte interestadual, ônibus da Gontijo transporta passageiros de São Paulo para Jacobina e Miguel Calmon (fotos)

30 de julho de 2020, 16:16

18 passageiros oriundos de São Paulo desembarcaram em Jacobina nesta quinta-feira (30) e 3 seguiram para Miguel Calmon (Foto: Notícia Limpa)

Na edição do Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (30), o governador Rui Costa ratifica o Artigo do Decreto que suspende a circulação, a saída e a chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans , principalmente de ônibus interestaduais, em 391 municípios no território do Estado da Bahia. A decisão, conforme o documento, ‘tem o objetivo de conter o avanço do coronavírus na população baiana’.

Apenas 22 municípios baianos estão com os serviços de transportes liberados. Todos eles têm 14 dias ou mais sem novos casos de COVID-19 confirmados, fruto da efetividade da adoção da política de isolamento e distanciamento social. Na lista do Decreto nº 19.881, de 29 de julho de 2020, publicado no DO da Bahia, as cidades de Jacobina e Miguel Calmon continuam na lista das localidades que estão proibidas de receber serviços de transportes intermunicipais e interestaduais, mas não é o que tem acontecido na prática.

No final da manhã desta quinta-feira um ônibus da empresa Gontijo que faz linha entre as cidades de São Paulo e Miguel Calmon foi parado na barreira sanitária instalada na entrada de Jacobina com 21 passageiros oriundos da capital paulista. Conforme informações do motorista do veículo, que tem sua identidade preservada, 18 passageiros desembarcaram na cidade e 3 seguiriam para Miguel Calmon.

A reportagem do Notícia Limpa presenciou o momento em que os passageiros estavam desembarcando, ao lado do ponto de Informações Turísticas de Jacobina. De acordo os profissionais de saúde que se encontravam de serviço na Barreira Sanitária, todos os passageiros tiveram suas temperaturas checadas e assinaram um termo onde se comprometeram a cumprir o período de quarentena por um período de até 14 dias, se apresentarem sintomas gripais. “Iremos monitorar os isolamentos”, disse um agente de saúde.

 

Sem qualquer restrição, o ônibus de placa OQH 2672, com licença do município de Curvelo em Minas Gerais, que havia saído às 21 horas do último dia 28 da cidade de São Paulo, chegou ao seu destino final, Miguel Calmon, no início da tarde de hoje, dia 30.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS