ESPORTES

7 jogadores são réus por esquema de manipulação de apostas; veja nomes

10 de maio de 2023, 15:29

Foto: Reprodução

A Justiça de Goiás aceitou nesta terça-feira (9) a denúncia do Ministério Público contra 16 investigados na operação Penalidade Máxima II, sobre manipulação de apostas no futebol.

Eduardo Bauermann (zagueiro, Santos)

Gabriel Tota (meia, Ypiranga-RS)

Paulo Miranda (zagueiro, sem clube)

Igor Cariús (lateral-esquerdo, Sport)

Victor Ramos (zagueiro, Chapecoense)

Fernando Neto (volante, São Bernardo)

Matheus Gomes (goleiro, sem clube)

Quatro jogadores que confessaram ter participado do esquema e não foram denunciados: o zagueiro Kevin Lomónaco, do Bragantino, o lateral-esquerdo Moraes, do Atlético-GO, o volante Nikolas Farias, do Novo Hamburgo-RS, e o atacante Jarro Pedroso, do Inter-SM.

Outros oito jogadores foram denunciados pelo Ministério Público e viraram réus. São eles: Romário (ex-Vila Nova), Joseph (Tombense), Mateusinho (ex-Sampaio Corrêa, hoje no Cuiabá), Gabriel Domingos (Vila Nova), Allan Godói (Sampaio Corrêa), André Queixo (ex-Sampaio Corrêa, hoje no Ituano), Ygor Catatau (ex-Sampaio Corrêa, hoje no Sepahan, do Irã) e Paulo Sérgio (ex-Sampaio Corrêa, hoje no Operário-PR).

O grupo vai responder pelas práticas de organização criminosa (pena de três a oito anos e multa) e corrupção ativa (pena de dois a 12 anos).

Os apostadores denunciados:

Bruno Lopez de Moura

Ícaro Calixto

Luís Felipe Rodrigues

Victor Yamasaki

Zildo Peixoto

Thiago Chambó

Romário Hugo dos Santos

Willian de Oliveira Souza

Pedro Gama dos Santos

Os jogadores concordaram em tomar cartões para que golpistas tivessem lucros em sites de apostas. Em troca, eles receberiam uma parte do dinheiro arrecadado pelo grupo acusado de comandar as fraudes. (Com informações do Globo Esporte). 

Brasil 247

Leia mais...

Neymar decide deixar PSG após seis anos, diz ESPN

09 de maio de 2023, 09:19

Foto: Reproduçãu

Seis anos após ter surpreendido o mundo do futebol ao deixar o Barcelona pelo Paris Saint-Germain por 222 milhões de euros, tornando-se o jogador mais caro da história do futebol, Neymar pode estar de saída do Parque dos Príncipes.

De acordo com informações divulgadas pela emissora de televisão ESPN, o jogador  já teria comunicado à direção liderada por Nasser Al-Khelaifi que deseja “mudar de ares”, e que a direção não deve dificultar uma eventual partida ao final da atual temporada.

Até o momento, o atacante estava se mantendo firme na decisão de permanecer no clube, mas teria mudado de ideia em grande parte devido à manifestação realizada pelos próprios torcedores à porta de sua casa, exigindo sua saída.

A publicação ainda acrescenta que Neymar dará prioridade a uma transferência para a Premier League, já que este é um dos poucos campeonatos com clubes capazes de pagar seu salário de 40 milhões de euros por ano.

Notícias ao Minuto

Leia mais...

Vini Jr é eleito melhor do Real Madrid pelo terceiro mês seguido

08 de maio de 2023, 15:07

Foto: Reprodução

Vinicius Jr foi eleito, em votação popular, o melhor jogador do Real Madrid pelo terceiro mês consecutivo. Vini foi escolhido como destaque merengue de fevereiro, março e abril. Patrocinadora do Campeonato Espanhol, a Mahou organiza a votação através de sua conta no Twitter.

O brasileiro é o garçom do time na temporada. Vini lidera o número de assistências do Real, com dez.

Campeão da Copa do Rei e foco na Champions. O Real Madrid assegurou o título nacional no último sábado, com dois de Rodrygo, e agora se prepara para receber o Manchester City pelas semifinais da Liga dos Campeões.

A TEMPORADA DE VINI JR

Vice-artilheiro do time. Vini marcou dez vezes e está atrás apenas de Karim Benzema (17).

Líder em assistências no Real e na Champions. Seis dos dez passes de Vinicius Jr que resultaram em gols aconteceram na Liga dos Campeões. Segundo com mais finalizações na na direção do gol pela Liga dos Campeões. Com 18, o camisa 20 está atrás apenas de Haaland, do Manchester City (20).

Folhapress

Leia mais...

Caém ganha um novo e moderno ginásio poliesportivo (Fotos)

03 de abril de 2023, 13:53

Foto: Ascom/PMC

Uma grande festa para uma grande obra, assim se resume a entrega do mais novo espaço para a prática esportiva de Caém, o Ginásio de Esportes João Martins de Oliveira, autor da letra do Hino do município.

Além da quadra poliesportiva para a prática do futebol de salão, vôlei e basquete, o equipamento entregue na noite de sexta-feira (31), pelo prefeito Arnaldo Oliveira (Arnaldinho), conta com vestiários, banheiros com acesso para pessoas com deficiência (PcD) e iluminação de LED.

A conclusão da obra do ginásio era um antigo pedido de atletas e alunos das escolas municipais que ficam no seu entorno. O Ginásio João Martins passa a ser mais um equipamento de esportes com toda qualidade necessária para desenvolver atividades esportivas em nossa cidade”.

“Poder estar aqui, entregando esse ginásio, é muito gratificante. Porque nós sabemos o quão importante esse espaço é para toda a comunidade que poderá contar não só para a prática do esporte, como também como mais um espaço para a realização de outras atividades”, comemorou o prefeito Arnaldinho.

A cerimônia de inauguração contou com as presenças dos familiares do homenageado, que relataram com gratidão a importância do equipamento. “Que noite linda essa, ver a comunidade recebendo esse ginásio que leva o nome de João Martins. Agradecemos ao gestor pela homenagem”, disse um dos familiares.

Prefeito Arnaldinho Oliveira durante o ato de entrega
Familiares do homenageado com o nome do Ginásio, João Martins de Oliveira
Leia mais...

Chefe de Gabinete da Sudesb visita o município de Caém (Fotos)

09 de março de 2023, 15:13

Foto: Ascom/PMC

O chefe de Gabinete da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), Diogo Rios, passou toda a manhã desta quinta-feira (9), no município de Caém. Recebido pelo prefeito Arnaldo Oliveira, o representante da Sudesb conheceu in loco os investimentos do Governo do Estado e da Prefeitura Municipal na área do esporte.

Diogo visitou com o prefeito as obras da reforma do Estádio Municipal Eliezer Libório dos Santos, onde serão construídos novos sanitários, alambrados e gramado natural com sistema de drenagem profissional, entre outros benefícios. Eles estiveram também no ginásio de esportes anexo a Escola Otávio Mangabeira, que está em fase de conclusão e em outros locais onde a Prefeitura pretende realizar intervenções físicas.

“Solicitamos do chefe de gabinete da Sudesb o apoio na aprovações de alguns pedidos que fizemos ao órgão, visando a melhoria dos que já existem e as construções de outros equipamentos esportivos na sede e no interior do nosso município”, disse o prefeito que estava acompanhado dos vereadores Gildo de Jesus (Lolinha), Pablo Piauhy, Roni de Piabas, Maria de João de Quinho e Joelson Rocha (Khel Goleiro), do secretário de Obras, Joilson Andrade, do diretor de Esportes, Paulo Barbosa e do engenheiro Vinícius Andrade.

Leia mais...

Bahia quebra recorde e só gasta menos que Manchester dentro do Grupo City

26 de janeiro de 2023, 09:54

Foto: Reprodução

Quando ainda estava negociando a venda da sua SAF (Sociedade Anônima do Futebol) para o City Football Group, o Bahia ouviu do seu futuro comprador que o time brasileiro seria a segunda prioridade do conglomerado dono de 11 clubes espalhados por quatro continentes.

E, pelo menos na primeira janela de transferências sob gestão do fundo comandado pelo xeque Mansour bin Zayed Al Nahyan, integrante da família real de Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos), a promessa tem sido cumprida à risca.

A equipe nordestina é, pelo menos até o momento, a segunda integrante da “família City” que mais dinheiro gastou com a contratação de reforços na edição de janeiro do Mercado da Bola global.

De volta à primeira divisão do Campeonato Brasileiro depois de passar um ano na Série B, o “Bahia City”, apelido pelo qual começou a ser chamado até por seus torcedores após a negociação com os árabes, já investiu 5,9 milhões de euros (R$ 32,7 milhões) na montagem do elenco para as competições de 2023.

O valor engloba os dois reforços mais caros da história do clube: o lateral esquerdo equatoriano Jhoanner Chávez (ex-Indepediente del Valle), que custou 3,3 milhões de euros (R$ 18,3 milhões), e o meia-atacante Biel, contratado do Fluminense por 1,6 milhão de euros (R$ 8,9 milhões).

No total, o Bahia já anunciou 12 jogadores novos para esta temporada, mas apenas quatro tiveram seus direitos econômicos comprados.

A lista de chegadas conta também com jogadores emprestados, como o zagueiro Raul Gustavo (Corinthians), o meia Diego Rosa e o atacante Kayky (que já eram do Grupo City), e com o atacante Everaldo, que estava sem contrato.

De todos os clubes comandados pelo Grupo City, apenas o Manchester City, time que concentra os maiores investimentos do conglomerado e que faz parte da primeira prateleira do futebol mundial, gastou mais que o Bahia.

Os atuais bicampeões ingleses utilizaram 11 milhões de euros (R$ 61 milhões) para contratar o volante argentino Máximo Perrone, do Vélez Sarsfield. E esse foi seu único reforço na janela de janeiro.

Além de Bahia e do time matriz, só outros três times do grupo gastaram com novos jogadores desde a virada do ano: Girona, Lommel e New York City. Juntos, eles acumularam um investimento de 8,5 milhões de euros (R$ 47,2 milhões).

A janela de transferências dos cinco principais e mais economicamente poderosos campeonatos nacionais da Europa (Espanha, Itália, Inglaterra, Alemanha e França) vai até a próxima terça-feira, dia 31 de janeiro.

No Brasil, que adota um calendário diferente da elite europeia e tem no começo de ano seu mais expressivo período de registro de atletas e formação de elencos, os reforços vindos de outros países podem ser registrados até 3 de abril. Por aqui, as transações entre dois clubes nacionais não têm nenhum tipo de restrição de datas.

O Bahia estreou na Copa do Nordeste, sua prioridade no primeiro semestre, com uma derrota por 1 a 0 para o Sampaio Corrêa, domingo, no Maranhão. Neste fim de semana, a equipe dirigida pelo português Renato Paiva encara o primeiro clássico do ano contra o Vitória. Mas a partida será válida pelo Estadual.

Gasto com reforços (janeiro de 2023)

Manchester City (ING): 11 milhões de euros

Bahia (BRA): 5,9 milhões de euros

Girona (ESP): 5 milhões de euros

Lommel (BEL): 2,5 milhões de euros

New York City (EUA): 1 milhão de euros.

Os outros clubes do grupo ainda não fizeram investimentos financeiros na compra de direitos econômicos de jogadores para a equipe profissional nesta janela de transferência.

Fonte: Transfermarkt

Leia mais...

Campeonato de futebol society movimenta comunidade rural de Caém

25 de janeiro de 2023, 16:36

Foto: Divulgação

O 4° Campeonato Society da Comunidade Quilombola de Lajes (Coro Grosso), no município de Caém chega na sua fase decisiva e o primeiro finalista é o atual campeão do certame, o time da comunidade de Bom Jardim.

Valendo vaga para a grande final, no último domingo (22), a equipe de Bom Jardim enfrentou o selecionado de Saracura. Em Jogo bastante disputado o Bom Jardim levou a melhor vencendo pelo placar de 2 x 1, com destaque para a atuação do meia atacante Guri, que marcou dois gols.

O próximo finalista sairá do confronto entre as equipes de Genipapo e Real Cajaeiras. A disputa acontecerá na manhã de domingo, dia 29.

A final do torneio que nesta edição homenageia Ademário Bispo de Pinho (Deminha), será no dia 5 de fevereiro.

‘Em cada jogo uma nova emoção. Alegria, diversão e confraternização não faltarão’, parafraseou Antônio Marcos Souza, um dos organizadores do evento esportivo.

Leia mais...

Pelé foi criticado por não ir ao velório de Garrincha

05 de janeiro de 2023, 09:53

Foto: (Acervo CBF/Divulgação)

O velório de Pelé, morto no dia 29 de dezembro após batalha contra um tumor no cólon, foi cercado de polêmicas. Campeões mundiais foram criticados por não comparecerem ao último adeus ao Rei do Futebol, velado entre segunda (2) e terça-feira (3) no gramado da Vila Belmiro, em Santos. Porém, em 1983, uma reportagem publicada pelo Estadão noticiou que Pelé foi alvo de críticas por não ir ao enterro de Mané Garrincha, seu maior parceiro na Seleção Brasileira, com quem venceu as Copas de 1958 e 1962.

O enterro de Garrincha aconteceu em Pau Grande, distrito de Magé, na Baixada Fluminense, terra natal do ídolo do Botafogo. O Anjo das Pernas Tortas faleceu aos 49 anos em decorrência de problemas relacionados ao alcoolismo. O velório foi acompanhado por cerca de 8 mil pessoas, depois de um percurso de 63 quilômetros do Rio de Janeiro.

Segundo a publicação do Estadão, o público que se despedia de Mané se indignou ao perceber a ausência de Pelé. Uma coroa de flores enviada pelo Rei do Futebol foi retirada por um amigo de Garrincha.

Entre os antigos companheiros de Garrincha, que compareceram ao seu velório, estavam Nilton Santos, Bellini, Ademir, Gilmar e Félix. O zagueiro Brito foi o que mais demonstrou revolta com a ausência de Pelé.

– Dava tempo de Pelé aparecer. De madrugada, na hora em que só estavam no velório a família e os amigos mais chegados, o Pelé poderia ter aparecido que não seria molestado e não haveria tumulto. Acho que o Pelé pisou na bola – disse à reportagem do Estadão em 1983.

Ainda de acordo com a matéria, Pelé passou a noite em uma festa na casa do seu amigo Alfredo Saad, no Rio. Ele foi avisado da morte de Mané, mas optou por não comparecer.

Em entrevista à Revista Época, em 2000, Pelé afirmou que não foi ao velório de Garrincha por “não gostar de enterros”, além de não estar tão próximo do ídolo botafoguense à época de sua morte. Seis anos depois, à Folha de S.Paulo, ele afirmou novamente não ter o costume de ir a velórios ao comentar a ausência na despedida da filha Sandra Regina, de quem não tinha proximidade e só descobriu a paternidade muitos anos depois.

DESPEDIDA DO REI
Apenas dois jogadores campeões mundiais com a Seleção Brasileira foram ao velório de Pelé: o companheiro do tricampeonato Clodoaldo (1970) e o volante Mauro Silva (1994), vice-presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF). Por outro lado, cerca de 230 mil pessoas passaram pelo gramado da Vila para se despedir do Rei.

Ronaldo Fenômeno, pentacampeão em 2002, e Romário, tetra em 1994, enviaram coroas de flores ao velório. Entre os jogadores convocados para a Copa do Mundo do Catar, nenhum compareceu. Neymar foi representado por seu pai. O técnico Tite, que recentemente deixou o cargo de técnico da Seleção, também não foi a Santos.

Cafu e Rivaldo, craques do penta, justificaram a ausência pelas redes sociais. O capitão da conquista de 2002 afirmou que não pôde ir porque estava fora do Brasil e não conseguiu antecipar o voo. Por sua vez, o ex-atacante do Barcelona e Milan disse que não foi ao enterro de Pelé porque fez a sua homenagem enquanto o Rei ainda estava em vida. Marcos, goleiro do título no Japão e ídolo do Palmeiras, se defendeu dizendo que ninguém havia ido ao velório de seus pais.

Marcos, goleiro do título no Japão e ídolo do Palmeiras, se defendeu dizendo que ninguém havia ido no velório de seus pais.

*AE

Leia mais...

Camisa do Brasil da Shopee com nome errado viraliza na internet

01 de dezembro de 2022, 16:21

Foto: Reprodução/G1

Em pleno 2022, ano de Copa do Mundo, todos estão tentando garantir a sua camisa da seleção brasileira. Como a versão oficial tem um preço salgado, muita gente apela para os sites chineses como opção de compra, mas o corretor de seguros Pedro Gurgel teve uma surpresa ao receber suas camisas personalizadas da Shopee.

Pedro encomendou três camisas para a sua família e, 30 dias após a compra, recebeu o pedido. O problema é que a loja levou ao pé da letra o que ele escreveu na observação: “Na camisa XL o nome será Pedrinho”. O resultado: “Será Pedrinho” foi estampado nas costas da peça de roupa.

Observação do pedido de Pedro pedia personalização para a família (Imagem: Reprodução/G1)

Pedro levou a confusão de idiomas numa boa e fez uma publicação no seu perfil no Instagram dizendo “Nem inventem de copiar. Deixem a minha camisa ser única e exclusiva”. 

TecMundo

Leia mais...

Galácticos é campeão invicto da 1ª Copa Rural Society de Caém

22 de novembro de 2022, 11:26

Foto: Notícia Limpa

Oito jogos, sete vitórias e um empate, esses são os números da invicta campeã equipe do Galácticos na primeira edição da Copa Rural de Futebol Society de Caém.

Depois de uma excelente campanha, dominando em praticamente em todas as partidas, o primeiro campeão da ‘Copa Rural’, como ficou conhecido o torneio que reuniu 24 equipes da sede e do interior do município, venceu a grande final em jogo contra o time do Poções, da comunidade que leva o mesmo nome, com o placar de 2 x 0. A disputa aconteceu na tarde de domingo (20), no Campo do Bahiazinho (Pachequinho), na sede do município.

Realizado pela Prefeitura de Caém, através da Diretoria Municipal de Esportes, a 1ª Copa Rural de Futebol Society contou com o apoio do comércio local. Além do campeão e vice, os torcedores também foram premiados com diversos brindes em sorteios que aconteceram após a final.

A equipe de Poções não conseguiu vencer o favoritismo do Galáctico
Prefeito de Caém, Arnaldinho (centro), prestigiou o jogo da final
Leia mais...