Caém: Oferta do Educação de Jovens e Adultos (EJA) cresceu 800 por cento, contemplando moradores da sede e da zona rural (VÍDEO)

20 de maio de 2024, 14:32

O EJA é uma das prioridades da atual gestão do município de Caém (Foto: Ascom/PMC)

Para a Secretaria de Educação de Caém o Ensino de Jovens e Adultos (EJA) é uma das suas prioridades, recebendo uma atenção diferenciada da atual gestão o programa apresenta transformações e mudanças nas vidas dos alunos.

A Educação de Jovens e Adultos (EJA) é para aquelas pessoas que por algum motivo abandonaram a escola ou nunca tiveram a oportunidade de estudar. Como nunca é tarde para retomar os estudos a Prefeitura de Caém ampliou a oferta de vagas e de salas de aulas.

Em 2021, quando o prefeito Arnaldo Oliveira (Arnaldinho) assumiu o seu segundo mandato, eram apenas 66 alunos matriculados no EJA; e só tinha turma na sede. O EJA em Caém cresceu, e cresceu muito, hoje já são 581 alunos matriculados, um aumento impressionante de 800 por cento.

São várias, inspiradoras e emocionantes as histórias dos alunos e alunas do EJA das comunidades rurais, entre elas, a de Dona Maria, aluna da Escola Teodoro Luciano, no povoado de Piabas, que aos 78 anos de idade, está realizando o sonho de se alfabetizar, uma verdadeira demonstração de dedicação, perseverança e coragem.

Para o prefeito Arnaldinho O EJA resgata a autoestima, promove inclusão social e dignidade para a população da sede e das comunidades rurais que não tinham a oportunidade de aprender a ler e escrever com o apoio da administração municipal.

“Estão de parabéns alunos e professores que fazem parte deste programa transformador. Todos os envolvidos são verdadeiros heróis, que mesmo com as adversidades da vida, da labuta do dia a dia, ainda encontram forças para frequentarem as aulas durante a noite. Sabemos que não é fácil unir trabalho e estudo, mas basta querer e ter força de vontade, e tudo isso é o que não falta para os nossos mais experientes alunos”, destacou o prefeito.

”.