Caém: Moradores da região do Bom Jardim reclamam de fechamento de creche

11 de outubro de 2019, 11:17

(Foto: Notícia Limpa)

Instalações físicas em perfeito estado, pintura nova e com mobiliário novo, assim se encontra a Creche Mãe Bebé, da localidade de Monteiro, comunidade rural pertencente ao município de Caém, próximo ao Bom Jardim. Rodeada por mato, abandonada, sem cuidadores e principalmente sem crianças, essa também é a Creche Mãe Bebé, que funcionou, de acordo informações de moradores do local, até o final de 2016.

É inacreditável, mas é verdade. O Notícia Limpa esteve visitando o estabelecimento educativo no final da manhã de terça-feira (8), e constatou o total abandono do que poderia ser um importante instrumento social para os moradores de Monteiro e adjacências, já que muitos pais utilizam os serviços da creche por não ter tempo integral disponível para os cuidados das suas crianças.

Os cerca de mil moradores que habitam aquela região estão desprovidos de um local adequado para deixar seus filhos enquanto trabalham; situação que tem gerado muita reclamação e indignação em saber, inclusive, que dispõem de infraestutura mas não podem contar com o equipamento funcionando. Vários são os lamentos das famílias. “Na creche os nossos filhos tinham as refeições, tiravam um soninho, tomavam banho e brincavam com os cuidados das professoras”, conta uma mãe que pediu para não ser identificada.

Papel da creche – Muitos pais preferem deixar seus filhos na creche do que sob cuidados de uma babá, por entender que a criança se socializa melhor convivendo com outras crianças e por achar um risco deixá-los sob cuidado de uma só pessoa. Na creche se ministra apoio pedagógico e cuidados às crianças com idade até o fim dos seus três anos.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS