Aluno de psicologia é preso no PR, acusado de abusar de 300 crianças

09 de agosto de 2023, 13:18

Policia Civil e PF investigam os crimes cometidos pelo rapaz de 26 anos em Foz do Iguaçu; a prisão preventiva foi feita nesta quarta (9) (Foto: Reprodução)

Um jovem de 26 anos, estudante de Psicologia em Foz do Iguaçu, foi preso nesta quarta-feira (9) pelas polícias Civil do  Paraná (PC-PR) e Federal  (PF), suspeito de abusar sexualmente de mais de 300 crianças.

A assessoria da Policia Civil do Paraná confirmou ao iG que o estudante é suspeito de cometer abusos contra as crianças “e alguns adolescentes”. Na ação, a policia cumpriu mandados de busca e apreensão, onde foi possível localizar 1,7 mil arquivos de pornografia infantil, sendo que mais de 350 foram produzidos pelo homem, enquanto cometia atos de estupro de vulnerável.

Além dos estupros propriamente ditos, a policia informou ao  iG que o homem realizava estupros virtuais, por meio de perfis falsos. A investigação, categorizada como “de alta complexidade”, constatou que desde 2016 o homem armazena esse tipo de material. Os arquivos contém provas dos crimes.

A investigação apura se o estudante utilizava os conhecimentos acadêmicos para manipular as vítimas. O jovem foi autuado por “estupro de vulnerável, estupro de vulnerável virtual, produção, armazenamento e compartilhamento de pornografia infantil e aliciamento de criança para a prática de atos libidinosos”.

Último Segundo