10 fatos desconhecidos sobre a Bíblia

07 de junho de 2018, 17:02

Aberta a interpretações, a bíblia pode ser considerada um livro cheio de mistérios e enígmas.

 

O livro mais vendido da história não precisa de marketing. Traduzida para cerca de 2.500 idiomas, a bíblia ainda desperta bastante curiosidade.

Aberta a interpretações, a bíblia pode ser considerada um livro cheio de mistérios e enígmas.

É provável que você não saiba que 666 não é realmente um número infernal, e nem que Eva foi a primeira mulher batizada por Deus. Para desvendar alguns mistérios sobre a bíblia, vamos listar aqui algumas curiosidades. Veja!

1 – A Bíblia foi o primeiro livro impresso do mundo, é o mais traduzido e o mais vendido

Em 1460, o alemão Johannes Gutenberg finalizou um trabalho que demorou 5 anos. A invenção da prensa com tipos móveis revolucionou o mundo. O primeiro livro impresso dessa maneira foi a Bíblia e isso foi fundamental para a Reforma Protestante.

Continua sendo o livro mais vendido do mundo desde então. Segundo as estatísticas mais recentes, ela já foi traduzida em cerca de 2900 línguas e dialetos.

Em 2014, somente as Sociedades Bíblicas Unidas (SBU) distribuíram 34 milhões de exemplares em todo o mundo. Considerando somente o Brasil, foram 7,6 milhões de volumes impressos pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB), que publica as versões evangélicas. São mais cerca de 3,4 das católicas, totalizando 11 milhões.

2 – Não há nenhuma descrição da aparência de Jesus na Bíblia

Nenhum versículo da Bíblia descreve a aparência de Cristo em nenhum momento. As centenas de maneiras como ele é representado são liberdades criativas dos autores das imagens que o representam.

Segundo as Escrituras, ele tinha a aparência de um homem normal do Oriente Médio. Como a Europa foi o centro de divulgação do cristianismo por séculos, a imagem de um Jesus de cabelos e olhos claros é influência da percepção de mundo que eles tinham.

3 – O maior e o menor capítulo

Nos originais, o Salmo 119 é o capítulo mais longo da Bíblia, é um acróstico. Os 176 versículos são divididos em 22 seções de oito versos cada uma, correspondendo a cada uma das letras do alfabeto hebraico. O menor é o Salmo 117, com apenas dois versículos.

4 – 616, o número da besta

Na verdade o número 666 é um erro de tradução, e o real número do capeta – que, a propósito, é um código para o nome do imperador romano Nero – é 616.

5 – De onde vem a palavra Bíblia?

Curiosamente, esta palavra não aparece em nenhuma de suas páginas ou nos textos que compõem a própria Bíblia. O nome vem do grego e significa “papiro para escrever”.

6 – De toda a Bíblia apenas uma parte mínima são as palavras exatas de Deus

Segundo a Bíblia, Deus só escreveu uma pequena mas super importante parte do livro. Adivinha qual parte? Exatamente: os dez mandamentos. Nas outras ocasiões, foi a voz dele que fez com que os outros escrevessem sobre ele e suas palavras.

7 – Todos os números que aparecem na Bíblia têm um significado

Isso mesmo, e esta é uma das curiosidades bíblicas mais fascinantes. Sempre que você se deparar com dados numéricos da Bíblia, deve suspeitar que está tentando transmitir mais do que uma simples quantidade.

8 – Os nomes de Deus na Bíblia (Antigo Testamento)

Uma das curiosidades da Bíblia é que, como você sabe, existem vários nomes de Deus na Bíblia, especificamente no Antigo Testamento, para se referir ao Todo-Poderoso. Vamos descobrir alguns deles:

Adonai – Significa “o Senhor”, em hebraico.
Elohim – Significa “deuses” em hebraico.
Yahweh ou Yahweh – Yahweh é frequentemente traduzido como “aquele que é” ou “aquele que vive” em hebraico.
Elyon – significa “o mais alto”
9 – A primeira mulher batizada não foi Eva

O primeiro nome que Deus dá a uma mulher na verdade é o de Sara, esposa de Abraão. Isso porque seu antigo nome, Sarai, é trocado para Sara (que significa “princesa entre as mulheres”) para denotar o pacto do casamento divino entre ambos, sendo, na verdade, a primeira mulher bíblica.

10. O tempo que demorou para escrever a Bíblia

Uma das curiosidades bíblicas que se destaca por seu contraste é que, enquanto o Antigo Testamento levou cerca de 1000 anos para ser escrito, o Novo Testamento foi criado em aproximadamente 50-75 anos.

Como aumentar a imunidade rapidamente 

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores deve-se:

Adotar bons hábitos de saúde, realizando atividade física, dormindo adequadamente e evitando situações de estresse;

Evitar o cigarro ou estar exposto ao cigarro;

Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;

Consumir alimentos saudáveis e manter uma dieta equilibrada, que inclua o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos ou produzidos em casa sem agrotóxicos;

Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;

Evitar tomar remédios sem orientação médica;

Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias. 

Além disso, caso tenha alguma doença causada por vírus, como gripe, por exemplo, é importante evitar frequentar lugares públicos fechados, como shopping, teatros e cinemas, além de ser importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão, assim como evitar tocar os olhos, nariz e a boca com as mãos sujas. Dessa forma, é possível reduzir o risco de adquirir a doença e de haver o desenvolvimento de complicações, principalmente no caso da pessoa possuir o sistema imunológico mais fraco.

VÍDEOS